“Seduziu”, Matías Rojas revela porque escolheu o Corinthians

A novela Matías Rojas no Corinthians está finalmente em seus últimos capítulos. O meia paraguaio de 27 anos, em fim de contrato com o Racing, da Argentina, deve ser oficializado pelo Timão nos próximos dias – a janela de transferências brasileira abre nesta segunda-feira (3).

Apesar do interesse de Botafogo, Internacional e clubes estrangeiros, Rojas optou pelo clube paulista e revelou em entrevista ao programa F12, da ESPN Argentina, os motivo dessa escolha.

Matías Rojas aponta “intuição” como responsável pela ida ao Corinthians

O meia paraguaio confirmou que chegará ao Timão durante a entrevista e apontou que tive diversas propostas, mas, “intuitivamente”, a do Corinthians o seduziu.

“A decisão que tomei foi graças ao momento futebolístico que eu estava, e também, contratualmente, creio que tive muitas propostas. Nenhuma me seduziu tão intuitivamente quanto a do Corinthians. Às vezes, nesses casos, eu tento não escolher com a cabeça, a cabeça joga um pouco com o ego, e me parece que isso genuinamente não é o correto”, revelou o jogador.

Sobre ser uma decisão boa ou ruim, Rojas aguarda o tempo para fazer essa avaliação.

“[…] Tratei de escutar a intuição e me decidi assim. Acredito que vai me deixar tranquilo quando depois de um tempo se a decisão foi boa ou ruim, e mesmo assim, bom e ruim são sempre relativos. Eu trato de aprender com os momentos ruins e será o que tiver que ser, mas estou seguro que daqui a 10 anos vou estar tranquilo porque foi a decisão que hoje tenho certeza que é a melhor”, completou o paraguaio.

Onde Rojas pode encaixar no Corinthians?

Rojas atua como meia pelo lado direito do campo, sempre cortando para o meio para poder jogar com a perna boa, a esquerda. O jogador é o destaque do Racing até aqui na temporada, autor de 10 gols e duas assistências em 20 jogo. Ele está no clube desde 2020, quando chegou do Cerro Porteño, do Paraguai, clube que o revelou, após dois empréstimos para Lanús e Defensa y Justicia, ambos da Argentina.

No Corinthians, luta posição pelo lado direito com Wesley, Guilherme Biro e Adson ou, considerando o atual time titular, pode substituir Maycon, jogando centralizado.

Carlos Vinícius Amorim

Carlos Vinícius Amorim

Carlos Vinicius é nascido e criado em São Paulo e jornalista formado pela Universidade Paulista (UNIP). Na comunicação, escreveu sobre futebol nacional e internacional no Yahoo e na Premier League Brasil, além de esports no The Clutch. Como assessor de imprensa, atuou no setor público e privado.