Avaí Kindermann

O Avaí Kindermann não conseguiu a classificação no Brasileirão Feminino Série A1. Assim, parou nas quartas de final da competição. Nesse sentido, a derrota por 4 x 1 e, em seguida, por 6 x 0 para o Corinthians, interromperam o sonho de título.

Com isso, o retorno à campo acontece apenas no final de setembro, com a estreia no Catarinense Feminino 2021. Além disso, as Leoas disputam a Libertadores Feminina 2021, em novembro. Portanto, terão um longo período de preparação.

Avaí Kindermann confirma presença no catarinense

A equipe passou por incertezas. Desse modo, as dificuldades financeiras ameaçaram a presença no estadual. Porém, o presidente Francisco José Battistotii, após reunião com a família Kindermann, confirmou a presença no torneio. Segundo Battistotti, a decisão partiu da importância que o catarinense tem para o clube.

Além das Leoas, estão confirmadas: Napoli, Criciúma, Hermann Ainchinger, Chapecoense, Beira Mar (Penha), Adell (Chapecó) e Açores (Florianópolis).

O torneio tem início previsto para 25 de setembro. Assim, o vencedor garante vaga na série A3 do Brasileirão Feminino 2022. Porém, por já ter vaga na série A1, as Avaianas Caçadoras disputam apenas o título.

O time catarinense possui, no total, 11 conquistas. De modo que, a última, foi diante do Criciúma, vitória por 2 x 0, em 2019. Na ocasião, os gols foram marcados por Duda e Carol Nogueira.

Avaianas Caçadoras em busca da conquista da América

Entre as representantes brasileiras, as Leoas buscam o inédito título da Libertadores Feminina 2021, prevista para acontecer entre os dias 3 e 18 de novembro. Desse modo, a competição irá contar com 16 equipes. No entanto, as datas dos confrontos ainda não foram divulgadas.

O Chile desistiu da competição. Assim, a nova sede será no Paraguai durante a fase de grupos. Em contrapartida, a final terá jogo único em Montevidéu, no dia 21.

Foto destaque: Divulgação/ Leandro Boeira/ Avaí FC

Marcus Mendes