Flamengo x Olimpia: retrospecto na Libertadores destoa do geral e indica tendência inesperada

Na tarde desta quarta-feira (5), em sorteio realizado pela Conmebol em Luque, no Paraguai, ficou decidido que Flamengo x Olimpia se enfrentarão nas oitavas de final da Copa Libertadores. Os jogos ocorrerão no início de agosto, e por ter terminado a fase de grupos na 2ª colocação, o Mais Querido decidirá o confronto fora de casa.

Apesar de muitos rubro-negros terem comemorado o fato do Flamengo ter o Olimpia pela frente na Libertadores, o retrospecto histórico de partidas entre as duas equipes na competição faz o equilíbrio imperar. Tricampeão da América e clube mais vencedor do Paraguai, o Decano (apelido do Olimpia) possui uma enorme tradição no futebol sul-americano e conta com uma torcida apaixonada e bastante atuante nos jogos da equipe.

Flamengo x Olimpia: retrospecto histórico

Flamengo x Olimpia já estiveram frente a frente em 16 oportunidades ao longo da história. E a vantagem é do Rubro-Negro, que venceu sete vezes contra quatro triunfos dos paraguaios. Houveram ainda cinco empates. No quesito ‘gols marcados', o Mais Querido também leva a melhor: 29 bolas na rede a 20 para o clube carioca.

Em contrapartida, quando pegamos o recorte de jogos válidos apenas pela Copa Libertadores, o equilíbrio se faz presente. Cariocas e paraguaios se enfrentaram oito vezes no torneio, com dois triunfos para cada lado e quatro empates. Antes de 2021 (último embate entre os times na Libertadores), o Flamengo era considerado freguês do Olimpia no torneio. Porém, isso passou a mudar quando o clube da Gávea aplicou duas goleadas acachapantes sobre os paraguaios nas quartas de final daquele ano.

Últimos embates entre Flamengo x Olimpia deu calafrios na torcida paraguaia

No início de julho de 2021, em virtude dos maus resultados obtidos no Campeonato Brasileiro, o Flamengo optou por trocar seu comando técnico. Demitido, Rogério Ceni deu lugar a Renato Gaúcho, que logo de cara guiou o Rubro-Negro às quartas de final da Libertadores. Nas oitavas, já com o novo treinador à frente da equipe, o Mais Querido eliminou o Defensa y Justicia.

No dia 11 de agosto de 2021, com gols de Arrascaeta, Gabigol (2x) e Vitinho, o Mengo não tomou conhecimento do adversário e goleou o Olimpia por 4 x 1, no Paraguai, em duelo válido pela ida das quartas de final da Libertadores. No embate de volta, novo triunfo expressivo do Rubro-Negro para cima do Decano. Gabigol (2x), Bruno Henrique, Willian Arão e Saúl Salcedo (contra) marcaram, decretaram o 5 x 1 e sacramentaram a ida dos cariocas às semifinais.

Flamengo e Olimpia atravessam momentos distintos na temporada

Como citado, Flamengo e Olimpia só se enfrentarão daqui a um mês, no início de agosto. No entanto, é importante observar a diferença nos momentos dos dois clubes na temporada. Com 25 pontos conquistados, o Mais Querido ocupa a 3ª colocação do Campeonato Brasileiro. Classificado para as oitavas da Libertadores após terminar o Grupo A na vice-liderança, o time do técnico Jorge Sampaoli também disputa a Copa do Brasil e terá o Athletico-PR pela frente nas quartas de final.

O Olimpia, por sua vez, tem decepcionado seu torcedor na atual temporada. Com 31 pontos ganhos, o Decano ocupa apenas a 6ª colocação do Campeonato Paraguaio. Na Libertadores, entretanto, o time se classificou na liderança do Grupo H e teve a 2ª melhor campanha geral da fase inicial do torneio. Em seis jogos, a equipe obteve quatro vitórias e dois empates (14 pontos).

Flamengo x Olimpia: retrospecto na Libertadores destoa do geral e indica tendência inesperada
Comparativo de Flamengo e Olimpia na atual temporada (Sofascore)
Guilherme Calvano

Guilherme Calvano

Carioca, 23 anos. Cobri o Flamengo no Coluna do Fla e o Chelsea no Blues of Stamford. Repórter de futebol nacional e sul-americano no Futebol na Veia.