CT do Corinthians é invadido

Querendo cobrar o time e a diretoria, torcedores do Corinthians invadem o CT do clube. Após a eliminação do Timão no Campeonato Paulista, o clima no clube paulista está muito longe de ser os melhores. Então, alguns torcedores conseguiram entrar no CT do time, mas não agrediram fisicamente ninguém. Porém, sobraram críticas para diversas pessoas.

Atualmente, a equipe do Corinthians vem se preparando para o Campeonato Brasileiro, que começa nas primeiras semanas de abril. Porém, a torcida pede mais comprometimento dos atletas e pede a saída de algumas pessoas de dentro da diretoria.

CT do Corinthians é invadido por membros de torcida organizada

Na manhã desta sexta-feira (17), o CT do Corinthians foi invadido por membros de uma torcida organizada do time. Após cortarem uma grade que fica em torno do centro de treinamento do clube, os torcedores foram até o gramado aonde acontecia o treino dos jogadores e conversaram com alguns deles.

Além de conversar com os jogadores, os torcedores levaram faixas e bandeiras com protestos, entre uma delas, tinha um pedido para a saída de do diretor de futebol Roberto de Andrade, nome que é duramente crítica pelos torcedores que pedem a sua saída do Corinthians.

Porém, a polícia foi acionada e os membros tiveram que deixar o CT, deixando um clima ainda mais pesado no clube paulista que ainda sofre com a eliminação precoce no Campeonato Paulista para o Ituano.

Corinthians faz nota de repúdio a invasão

Não é a primeira vez que o Corinthians sofre com invasões em seu CT. A Alguns anos atrás, uma grande invasão aconteceu no clube, com diversas histórias de terror envolvendo os jogadores e a torcida. Então, após os ânimos se acalmarem no clube na manhã desta sexta-feira (17), o Timão soltou uma nota de repúdio sobre o ocorrido e comentou que irá entregar todas as imagens das câmeras para a polícia.

“O Corinthians lamenta e repudia qualquer tipo de invasão em seu ambiente de trabalho. Todas as imagens de câmeras de segurança serão enviadas às autoridades policiais para que as devidas providências sejam tomadas”

Além disso, o Corinthians comentou sobre como o time está disposto a ouvir os torcedores. Porém, reforçaram que os poucos invasores não representam toda a torcida do clube.

“Historicamente, o Corinthians sempre foi aberto ao diálogo e valoriza a sua relação com a Fiel Torcida. Entendemos que estes invasores não representam os milhões de corinthianos apaixonados pelo Clube e apenas expõem, negativamente, a imagem da instituição. Por isso, ações como esta serão sempre motivo de indignação, revolta e tristeza”

Foto Destaque: Divulgação/Corinthians

Gilvan Alves

Gilvan Alves

Sou Gilvan Alves, tenho 23 anos, estudante de jornalismo, e desde pequeno apaixonado por futebol Brasileiro e europeu.