ceará sub-18 empata com audax em ultima participação no brasileiro feminino

Neste sábado (17), a equipe feminina do Ceará Sub-18 entrou em campo novamente pelo Campeonato Brasileiro de Futebol Feminino da categoria. O jogo aconteceu no Centro de Treinamento do Sorocaba, em São Paulo. As Alvinegras de Porangabuçu se despediram da competição com um empate contra o Audax-SP. Confira como foi:

1º TEMPO

Mesmo com os dois times já desclassificados para a próxima fase, a partida foi de muita disputa de bola e contato físico. No entanto as oportunidades não foram tão boas. Com poucas chances de gol e poucos ataques, o placar só abriu aos 33’. O gol foi para do Audax, marcado por Stephanny após uma cobrança de falta na área.

2º TEMPO

Nos últimos minutos das equipes no campeonato, o Vozão começou dominando. O time cearense estava mais ofensivo, e as chances começaram a aparecer. Aos 12′, Emmily acertou a trave do adversário. Em seguida, Bruna partiu pela direita e fez uma bela finalização, mas a goleira defendeu. Enfim, o gol do Vovô saiu aos 19′, quando Tainara recebeu na área e não deu chance para a goleira Yasmin.

RESUMO DA TEMPORADA DO CEARÁ

Por mais que tenha terminado em 3º lugar na tabela do grupo D, a pontuação não foi suficiente para que o time estivesse entre os dois melhores colocados nesta posição entre os grupos. O Mais Querido finalizou sua participação com cinco pontos nos seis jogos da primeira fase. Desse modo, o plantel comandado por Erivelton Viana saiu com uma vitória, dois empates e duas derrotas. Tainara, com cinco gols, foi a artilheira da equipe no campeonato.

Foto de Destaque: Divulgação/Adriano Fontes/CBF

Larissa Lisboa
O esporte sempre foi muito presente na minha vida, assim como a leitura e a escrita. Ser mulher no meio esportivo não é uma tarefa fácil. Por isso, um dos meus grandes objetivos é mostrar que entendo de esporte tanto quanto eles. Com a Educação Física, ganho muito conhecimento dos esporte em si, e com o jornalismo tenho a liberdade e a oportunidade de ser porta-voz do nosso esporte e, principalmente, dos nossos atletas. Sou uma pessoa centrada, perfeccionista e que sempre doa o máximo em cada projeto. Também sou um pouco sonhadora, mas sempre com um pé no chão. Sou amante das artes, cultura geek e um bom livro acompanhado de um cafezinho. Meu objetivo é nunca deixar de evoluir. Diante disso, já fui parte da equipe dos Torcedores, onde dei meus primeiros passos no jornalismo esportivo. Atualmente faço parte do time de colunistas do Rainhas do Drible, escrevo sobre atletismo na Rádio Poliesportiva e me junto ao Futebol na Veia, com o objetivo de somar a equipe e dar maior visibilidade ao Futebol Feminino, sendo setorista do Ceará.