Atlético-MG: Jorge Jesus, chegadas e mais

Reuniões com Jorge Jesus, novos jogadores chegando e saída de atletas. O Atlético-MG começa o ano de 2022 com pretensões maiores do que temporada passada. A reapresentação do elenco acontece somente no dia 17 de janeiro. Entretanto, os trabalhos na Cidade do Galo já estão acontecendo há algum tempo.

Jorge Jesus: vêm ou não para o Atlético-MG?

O treinador segue sendo a prioridade da cúpula alvinegra para assumir o cargo deixado por Cuca na última semana do ano. Hoje, as partes se reunirão pela segunda vez, em um encontro que contará com a presença dos empresários que ajudam a gestão do clube (4R's) e que pode ou não encaminhar a contratação do português.

Enquanto negocia com o novo treinador, o diretor de futebol do Atlético, Rodrigo Caetano, espera definir algumas pendências com relação a elenco.

Quem chega?

Com relação aos reforços, uma das prioridades de Caetano é o volante Edenilson, do Internacional. O Galo tenta avançar pelo jogador já há alguns dias, mas esbarra no jogo duro dos gaúchos. A multa do meio-campista para o mercado brasileiro é considerada impagável. Assim, o alvinegro tanta negociar com o Colorado um valor próximo ao da multa para o exterior (U$ 3 milhões, ou R$ 16,7 milhões), e estuda até envolver jogadores por empréstimo no negócio.

Outro nome que interessa ao Atlético é o do atacante Douglas Costa, do Grêmio. O jogador tem contrato com o Tricolor Gaúcho, mas vinha manifestando o desejo de deixar a equipe. O negócio é considerado difícil, já que outras equipes também monitoram o atacante.

Outras possibilidades de ação no mercado devem ocorrer no sistema defensivo, visto que o Galo ter duas baixas importante no time titular, Junior Alonso e Nathan Silva.

Quem sai?

Como antes informado, o Atlético pode perder dois de seus pilares no sistema defensivo. A dupla de zaga titular, formada por Junior Alonso e Nathan Silva, desperta o interesse do futebol europeu, e inclusive já receberam ofertas que estão sendo analisadas pela diretoria.

Outro grande nome que também pode deixar o elenco atleticano é o atacante Diego Costa. O jogador, já expressou a vontade de não permanecer, e parte da diretoria também não vê grandes objeções em sua saída. A tendência é que, caso surja alguma oferta (sobretudo do exterior), Diego seja mais um a deixar o time em 2022.

Por fim, um empréstimo está quase acertado. O meia Nathan não deve permanecer para 2022, e decide esta semana se vestirá as cores do Santos ou do Fluminense no decorrer do ano. O Galo já aceitou às propostas dos dois times e deixou nas mão do meia a decisão.

Foto destaque: Reprodução/ Atlético-MG

André Merice
Sou somente mais um louco apaixonado por futebol!