Antes de mais nada a diretoria executiva da Ponte Preta quer saldar todas as pendências com elenco em meio à disputa do segundo turno da Série B. De maneira os débitos atuais com parte dos jogadores são referentes aos direitos de imagem. Assim como na última sexta-feira (27), a Alvinegra acertou o pagamento da CLT do mês de julho aos atletas e funcionários.

Outrossim quitou todas as pendências com algumas semanas de atraso. Juntamente com isso o acerto foi feito antes de encarar o Vasco da Gama, em São Januário. Segundo diz o clube, a maioria do plantel recebe 100% dos vencimentos via CLT. Ou seja, não há, até a próxima quarta-feira (8), data prevista para pagar agosto, nenhuma pendência com esses profissionais no Estádio Moisés Lucarelli.

Por outro lado, na última segunda-feira (30) o time viu vencer o terceiro mês de direito de imagem, que é sempre pago em todo dia 28 e caiu no sábado (28). Assim também apenas alguns atletas possuem parte dos salários pagos por esta ‘segunda via’.

Da mesma forma Sebastião Arcanjo, presidente procura nos bastidores, mais recursos para quitar todas dívidas a curto prazo. Assim também a meta é fazer com que este assunto no extracampo não atrapalhe no rendimento da Alvinegra que tem o objetivo de fugir da zona de rebaixamento na Série B.

Ponte Preta em campo!

Simultaneamente em campo a Ponte se prepara para a partida diante do Sampaio Corrêa. Em seguida o jogo acontece na próxima sexta-feira (3) no Moisés Lucarelli. Eventualmente André Luiz virou desfalque confirmado, titular absoluto com Gilson Kleina, o volante fica fora de combate na Macaca por determinação contratual.

Do mesmo modo camisa 95 está emprestado pela Bolívia Querida, dona dos direitos econômicos, à Alvinegra até 30 de maio de 2022. Bem como sem o jogador de 26 anos, Kleina tem Vini Locatelli, então titular, e Lucas Cândido, ainda em busca de condições físicas ideais, para compor dupla com Marcos Júnior, nome certo no time.

Por fim um dos reforços confirmados pela diretoria executiva para o segundo semestre, André Luiz soma 13 participações pela Ponte na temporada. Ainda mais que 12 jogos desde o apito inicial, mas ainda sem contribuir com gol ou assistência, além de colecionar três cartões amarelos.

 

(Foto destaque: Diego Almeida/PontePress)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs