Niltinho chega para a partida contra o Confiança entusiasmado.(Foto destaque: ÁlvaroJr/ PontePress)

Inicialmente, a comemoração dos 121 anos veio com a vitória da Ponte Preta diante do Londrina no Moisés Lucarelli. Do mesmo modo o resultado do jogo foi 2×1. Juntamente com isso Niltinho está de volta e entusiasmado. Bem como após a partida o técnico Gilson Kleina elogiou o atleta que, conforme o revelou, passou maus bocados com a doença. Ainda mais que o atleta tinha dificuldade de correr em volta do campo quando voltou.

No entanto, isso ficou para trás, e foi dos pés do atleta que saiu o cruzamento que possibilitou a Moisés marcar o gol.

“Foi uma vitória muito importante para nos dar confiança para a sequência do campeonato. Foi um jogo de seis pontos contra um adversário direto na briga que estamos e foi um presente aos nossos torcedores na data de aniversário do clube. Sabemos o quão importante essa partida foi para nós, para a torcida e para o clube. Acreditamos até o final e o gol saiu. A Ponte Preta é assim, acreditar até o final”,

Da mesma forma Niltinho enfatiza a importância do resultado contra o Londrina para a moral da equipe e confia numa evolução do time a partir de agora, para deixar o Z4 para trás.

“Agora estamos confiantes para os próximos jogos, primeiro contra o Confiança, em casa, em mais um confronto direto, e depois contra o líder Coritiba, fora. Temos a intenção de pontuar para sairmos dessa situação incomoda”, conclui.

Assim também a vitória nos minutos finais garantiu que a Veterana saísse da zona de rebaixamento, com 16 pontos, na 16ª colocação.

Em conclusão no próximo sábado (14), a Macaca volta a campo diante do Confiança, novamente no Estádio Moisés Lucarelli.

 

Foto destaque: ÁlvaroJr/ PontePress

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs