Ivan completa 150 jogos com a camisa da Ponte Preta no próximo duelo contra o Cruzeiro. (Foto destaque: Álvaro Jr./PontePress)

Inicialmente Ivan, goleiro da Ponte Preta teria aceitado salário do São Paulo e o negócio só não foi finalizado por decisão do diretor de futebol, Carlos Belmonte. Da mesma forma de acordo com o jornalista Jorge Nicola, em seu canal no YouTube, o São Paulo até avançou na negociação com jogador.

Segundo Nicola, o São Paulo ofereceu 2 milhões de dólares (cerca de R$ 10,5 milhões) à Ponte para contratar o goleiro. Assim também o time da capital ofereceu salário de R$ 140 mil com bônus de acordo com o número de partidas disputadas.

Eventualmente as duas partes gostaram da proposta e disseram sim. Foi neste momento que Carlos Belmonte teria decidido não contratar o goleiro porque achou que o investimento era muito alto.

Eventualmente o atleta é o protagonista da Ponte e o feito é mostrado em números. Do mesmo modo o defensor carrega 152 jogos com a camisa, assume a responsabilidade de ser o capitão e a cada atuação faz defesas inacreditáveis. Tal como no último jogo foi o protagonista do jogo em que a Ponte Preta quebrou um jejum de 15 jogos sem vencer fora de casa e a vítima foi o Operário. Bem como o placar terminou em 2×1 para os visitantes.

Afinal o jogador tem 24 anos e passou pelo Guarani antes de chegar na Ponte Preta. Do mesmo modo o arqueiro tem passagens pela seleção brasileira sub-23 e pela seleção principal. Juntamente com isso seu contrato com o time de Campinas até dezembro de 2023.

Por outro lado está na Ponte Preta desde 2015.

 

(Foto destaque: Álvaro Jr./PontePress)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs