América-MG x Atlético-MG como aconteceu – Resultado, destaques e reação

A saber, nesta terça-feira (3), no confronto entre América-MG x Atlético-MG pela 4ª rodada da Copa Libertadoreso jogo terminou com vitória para a equipe visitante. Ao todo, um para o Coelho e dois para o Galo. Com a vitória, a equipe de Antonio Mohamed assume a liderança do grupo D, enquanto Vagner Mancini e seus comandados amargam a lanterna.

Assista aos melhores momentos de América-MG x Atlético-MG

1º tempo: Atlético-MG larga na frente, mas fica perto de sofrer o empate

O jogo começou meio morno, com o América recuado e o Atlético tendo dificuldades para furar o sistema defensivo montado por Vagner Mancini. No entanto, mudou. Aos 12 minutos, Juninho errou feio na saída de bola e deu um presentão para Hulk. O camisa 7 avançou dentro da área e só rolou para Guilherme Arana abrir o placar.

Em desvantagem, o Coelho precisou sair mais para o jogo, e abriu espaço para os contragolpes do Galo. Em um desses, Vargas acabou sentindo a coxa e precisou ser substituído. Pouco depois, Mariano também teve problema muscular e saiu. Os mandantes cresceram no jogo. Passaram a estar mais presente no ataque, mas sem efetividade. Aos 36, contudo, Nacho Fernández, após ótima assistência de Arana, ampliou. A vantagem de dois gols poderia dar maior tranquilidade para o time de Mohamed, o que não aconteceu. Aos 38, Everson saiu mal do gol em escanteio e Conti descontou: 2 a 1.

2º tempo: o cenário até poderia ser outro, mas faltou pontaria

Assim como na reta final da primeira etapa, o jogo voltou aberto, com os dois times dispostos ao ataque. Com espaço para explorar os contra-ataques, o Galo teve um caminhão de chances para fazer o terceiro. Aos seis minutos, por exemplo, no erro de Conti, Ademir invadiu a área, escorregou, mas quase deu uma “assistência” para Nacho, que finalizou cruzado e obrigou ótima defesa de Jailson.

Aos 11, o goleiro foi novamente exigido na finalização colocada de Ademir, da entrada da área. O mesmo Ademir teve outra grande chance aos 15, mas completou para fora o lançamento maravilhoso de Hulk. Após as chances desperdiçadas, o Atlético diminuiu o ritmo e passou a dar espaços no sistema defensivo.

O Coelho sofria para criar chances de finalização, mas aos 30 minutos, quase empatou na cabeçada de Éder, que obrigou linda defesa de Everson. Depois, aos 37, Keno perdeu chance inacreditável, livre na pequena área após o passe açucarado de Hulk. O placar seguiu o mesmo da etapa inicial: 2 a 1, vitória alvinegra no Independência e liderança na Libertadores.

América-MG x Atlético-MG – E agora?

Os dois times voltam a campo no sábado (7), pelo Brasileirão. Coincidentemente faram mais um clássico, mas desta vez com o mando do Atlético-MG. A partida está marcada para acontecer às 16h30 (horário de Brasília), no Independência (Mineirão receberá shows).

Foto destaque: Divulgação / Pedro Souza / Atlético-MG
André Merice
A sensação de poder transmitir uma sentimento à cada leitor é o que me move. Ainda assim, sou somente mais louco apaixonado por futebol, que fez da escrita e do esporte a sua vida!