Rafael Santos está voando. (Foto destaque: Álvaro Jr./PontePress)

Antecipadamente emprestado pelo Cruzeiro, Rafael Santos, lateral- esquerdo de 23 anos, vem se destacando com gols na temporada 2021. De maneira que o atleta disputou o Campeonato Paulista pela Inter de Limeira e na sequência chegou à Ponte Preta para disputa da Série B do Brasileiro.

Da mesma forma pela Inter de Limeira, Rafael marcou o importante gol da vitória sobre o São Caetano por 1 x 0. Eventualmente foi um bela finalização de fora da área aos 49 minutos do segundo tempo, após ajeitar a bola no peito em rebote de um cruzamento. Além disso o resultado garantiu a classificação da equipe às quartas de final do Paulistão.

Por outro lado na Ponte o camisa 6 balançou a rede pela primeira vez na vitória em cima do Sampaio Corrêa por 3 x 2 no Moisés Lucarelli. Assim também o atleta soltou uma bomba em jogada ensaiada de cobrança falta.

Bem como voltou a ser protagonista da Macaca contra o CSA, no Rei Pelé, em 29 de setembro, pela 27ª rodada. Tal como com um um chute da intermediária surpreendeu o goleiro Thiago Rodrigues e abriu o placar aos 14 do primeiro tempo.

Rafael Santos

Simultaneamente contra o Vila Nova, o atleta soltou uma bomba e colocou a Ponte em vantagem. De maneira que nos 28 jogos no ano – 10 pela Inter de Limeira e 18 na Ponte Preta – o futebolista começou como titular em 22 e anotou quatro gols. Assim também também contribuiu com duas assistências, ambas na Série B.

Nesse ínterim pelo Cruzeiro, que o contratou ao Mirassol-SP em 2018, o jogador esteve em campo em sete oportunidades.

Em conclusão o clube decidiu emprestá-lo a Chapecoense, Inter de Limeira e Ponte Preta de modo que o atleta ganhasse experiência profissional. Bem como o vínculo de Rafael Santos com a Raposa vai até dezembro de 2023.

 (Foto destaque: Álvaro Jr./PontePress)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs

Deixe um comentário