Ponte Preta terá o retorno de André Luiz. (Foto destaque: Álvaro Jr/ PontePress)

De antemão Cruzeiro x Ponte Preta se enfrentam no próximo sábado (11)  pela 23ª rodada da Série B. Assim como a Ponte terá desfalques na partida e um retorno certo: André Luiz volta à ficar à disposição. Da mesma forma o volante ficou fora do jogo dessa sexta por conta do contrato de empréstimo junto ao Sampaio Corrêa.

Nesse ínterim agora o jogador tem a oportunidade de retornar à equipe. Inegavelmente será um alívio por conta da preocupação com Léo Naldi. Bem como o atleta deixou a partida no intervalo com fortes dores no tornozelo direito.

De maneira que Léo Naldi deve passar por exames e ser avaliado durante a semana. Sobretudo para saber se tem condições de estar presente na partida contra a equipe mineira.

Ainda mais que outro que deve ser reavaliado durante a semana é o atacante Niltinho. Por outro lado o futebolista ficou fora na última sexta-feira (3) por conta de um desconforto na coxa. No entanto a tendência é que volte a treinar com a equipe nos próximos dias.

A saber enquanto observa a situação de jogadores no departamento médico, o técnico Gilson Kleina já sabe que tem pelo menos mais uma baixa confirmada. Eventualmente o lateral-esquerdo Rafael Santos, autor de um dos gols na vitória sobre o Sampaio, está emprestado justamente pelo Cruzeiro e não vai poder enfrentar a equipe mineira.

Assim também a ausência do lateral abre espaço para uma possível estreia de Marcelo Hermes. Bem como a estreia do atleta com a camisa alvinegra ou a utilização novamente de Felipe Albuquerque pelo lado esquerdo do campo – com Kevin ganhando nova oportunidade na direita.

Ponte Preta

Em conclusão Ponte e Cruzeiro se enfrentam no próximo sábado (11), às 11h, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas. Juntamente com isso a Macaca ocupa atualmente o 14º lugar na tabela, com 25 pontos.

 

 

(Foto destaque: Álvaro Jr/ PontePress)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs