Ponte Preta só vai confirmar o acerto quando o jogador chegar a Campinas, o que está previsto para acontecer entre o fim dessa semana e o começo da próxima.(Foto destaque: Athletico)

De antemão quarta-feira de definição sobre a situação do meia Matheus Anjos. Seja como for lembra que falamos sobre a possível contratação? Assim como o Athletico liberou o jogador para o empréstimo à Ponte Preta até o fim da Série B do Brasileiro.

Da mesma forma os clubes estão na fase de troca e assinatura das documentações. No entanto a Macaca só vai confirmar o acerto quando o jogador chegar a Campinas, o que está previsto para acontecer entre o fim dessa semana e o começo da próxima.

Simultaneamente Anjos vai ser o terceiro nome do pacote de contratações da Ponte para o segundo turno da Série B. Por outro lado ss dois primeiros foram o volante Yago, do Juventude, e o lateral-esquerdo Marcelo Hermes, ex-Cruzeiro e Grêmio.

Juntamente com isso o atleta tem 22 anos e nasceu em Campinas. Bem como o atleta está sem espaço no Furacão e seu último jogo foi em 25 de abril, ainda pelo Campeonato Paranaense, quando o Athletico utilizou uma equipe alternativa.

Em suma, já tem uma passagem pelo futebol campineiro, pois em 2018, defendeu o Guarani. No entanto disputou apenas cinco partidas. Também por empréstimo, ainda atuou no Paraná em 2019 e Botafogo-SP em 2020.

Atualmente a diretoria da Ponte Preta foi ao mercado por iniciativa própria, sem auxílio de terceiros, em busca de “três a quatro” peças. Primordiamente com a chegada de Anjos, faltaria um último nome, provavelmente também para o meio de campo, mas que não é considerado prioridade como os três primeiros.

 

(Foto destaque: Athletico)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs