Moacir elogia postura do Vila Nova: “agora é manter a pegada”

Antes de mais nada, na noite da última sexta-feira (10), o Vila Nova superou o Náutico por 1 x 0, no OBA, em Goiânia. Dessa forma, a equipe soma sua segunda vitória consecutiva nesta Série B em seu estádio. A partir disso, Moacir, volante e lateral-direito colorado, em entrevista para o SporTV, comentou sobre o valor do triunfo sobre o Timbu.

Vitória muito importante. Tínhamos uma proposta de jogo, mas que não estava funcionando. Portanto, fizemos uma mudança que acabou dando certo, uma dobra [de marcação] no Vinícius. Assim, conseguimos mais uma vitória, agora é manter a pegada e seguir assim no 2º turno”, projetou o jogador.

Próximo compromisso de Moacir com o Vila Nova

Em resumo, na próxima sexta-feira (17), o Colorado visita o Coritiba pela 24ª rodada da Série B. Assim, os times se enfrentam no Couto Pereira, na capital paranaense, às 19h (horário de Brasília). A saber, enquanto o Coxa permanece na liderança da competição com 45 pontos, o Vila Nova ocupa a 16ª posição, com 26, e tenta se distanciar da zona de rebaixamento. 

A novidade do time goiano é que não terá, até o momento, nenhum desfalque para o confronto, já que o departamento médico do clube segue vazio. Além disso, o técnico Higo Magalhães conta com a semana livre para comandar os treinamentos do Colorado. 

Vila Nova deve contar com a torcida já no próximo jogo em casa

Primeiramente, na última quarta-feira (8), em reunião do Conselho Técnico da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) com representantes dos clubes das Séries A e B, foi vetado o retorno do público aos estádios. Sendo assim, o Vila Nova vai buscar a liberação junto ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) após assentimento da Prefeitura de Goiânia.

Em suma, na última sexta-feira (10), o prefeito da capital goiana, Rogério Cruz (Republicanos), assinou decreto liberando o retorno da torcida às praças esportivas. Segundo a publicação, ficou autorizada a capacidade máxima de 1.500 pessoas ou até 30% da capacidade do estádio. Posteriormente, para receber novamente o público, o Tigre deve acionar o STJD.

Foto destaque: Reprodução/SporTV

Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).

Deixe um comentário