Felipe durante treino do Grêmio. (Foto destaque: Lucas Uebel / Grêmio FBPA)

Inicialmente após o ataque ao ônibus que feriu Vini Locatelli, meia na noite da última segunda-feira (26), a Ponte Preta confirmou nesta terça (27), a chegada do lateral-direito Felipe. Bem como o jogador chegou emprestado pelo Grêmio. 

Assim também o atleta era esperado na semana passada. No entanto testou positivo para Covid-19 ainda em Porto Alegre. Do mesmo modo seguindo o protocolo do departamento médico da Ponte, precisou cumprir o período de isolamento de dez dias a partir dos primeiros sintomas.

Da mesma forma aos 21 anos, o futebolista passou por exames clínicos e físicos antes de assinar contrato até o fim da Série B. Simultaneamente a Ponte tem até a próxima sexta-feira (30) para inscrevê-lo no Paulistão. Da mesma forma se a documentação for regularizada a tempo, ele ficará com a última das 26 vagas na lista principal.

Juntamente com isso Apodi ainda não vive uma grande fase, como na temporada passada. No entanto era o único jogador de ofício para o setor. Assim como a busca por um lateral-direito era prioridade no clube.

Dados Felipe:

Desde já o futebolista atuou pelo Grêmio nos duelos contra o Independiente de Valle na Libertadores. Assim como em 2020 defendeu o Brasil-RS, com 24 jogos.

Posição: lateral direito
Pé preferencial: direito
Data de nascimento: 29/09/1999
Local: Nova Andradina/MS
Posição: lateral direito.
Altura: 1m74
Peso: 73kg
Principal time que defendeu: Grêmio-RS

 

Foto destaque: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Ainah Carvalho
Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs

Deixe uma resposta