Na estreia do Campeonato Goiano de 2021, no domingo (28), o Vila Nova venceu o Jaraguá e quebrou um tabu de três jogos sem superar o rival. A partida, portanto, terminou em 1 x 0, gol do atacante Pedro Júnior, que retornou ao Tigre para esta temporada. A saber, o jogador foi revelado pela equipe colorada em 2005, quando conquistou com o grupo o Goianão daquele ano.

“Para mim, esse gol [contra o Jaraguá] foi muito importante. Eu cheguei até a cogitar parar de jogar depois que tive Covid-19. Esse é um tema que os clubes precisam se ligar um pouco mais. Fiquei com um problema pulmonar grave. Tive que fazer fisioterapia. Assim, quero até aproveitar para agradecer o Juliano, fisioterapeuta que me ajudou bastante para hoje eu poder estar correndo e fazendo o que Deus reservou para mim”, declarou Pedro Júnior ao GloboEsporte após a partida de domingo (28).

Trajetória de Pedro Júnior

O jogador de 34 anos tem passagens também por Cruzeiro, Jeju United (Coreia do Sul), Vissel Kobe (Japão), Kashima Antlers (Japão), entre outros. Por fim, estava defendendo as cores do CSA. Contudo, na equipe alagoana, Pedro Júnior não conseguiu ganhar espaço e, com isso, raramente começava como titular. Ainda assim, participou de 21 jogos e marcou cinco gols. Além disso, o atacante passou pelo Vila Nova também em 2008 e, mais tarde, em 2010. Por fim, tem vínculo com o Tigre até o fim de 2021.

“Tive [a Covid] quando estava no CSA e fiquei 45 dias afastado. Acabei tendo um pouco mais de comprometimento. Voltei depois de 45 dias, mas não conseguia jogar, fazer meu melhor. Por isso, cogitei, falei com minha esposa de pensar em parar, porque não estava conseguindo ter de novo aquela carga respiratória como eu tinha. Graças a Deus, depois da fisioterapia, atualmente estou me sentindo 100% e só tenho a agradecer por vestir a camisa do Vila Nova”, finalizou o atacante.

Foto destaque: Reprodução/Globoplay

Danyela Freitas
Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).
https://www.instagram.com/danyelaf/

Deixe uma resposta