Fred no Fluminense

Enfim acabou a novela, torcedor pode comemorar. Fred acertou seu retorno ao Fluminense neste domingo (31). Dessa forma, o presidente do clube, Mário Bittencourt, e o empresário do atleta, Francis Melo, chegaram num acordo na última semana. Após cinco meses negociando esperando definições jurídicas, o jogador aceitou reduzir seu salário drasticamente em relação ao que tinha no Cruzeiro, seu ex-clube. O atacante de 34 anos foi anunciado antes da reprise do jogo contra o Palmeiras, que passou na Tv Globo, no Twitter oficial do clube. De acordo com a jornalista Aline Nastari, do Esporte Interativo, o jogador vai receber R$400 mil mensais, mais variáveis.

Um dos maiores ídolos da história do Fluminense, nunca negou que queria voltar ao Rio. Mas o que impedia o retorno era que o atleta tinha ligação trabalhista com o Cruzeiro e um salário alto, em relação a folha salarial do Flu. Por conta disso, a demora dessa transferência se deu porque Mário Bittencourt não queria ter um novo Fred rescindiu com o Cruzeiro na Justiça do Trabalho em fevereiro deste ano. Mas o Fluminense teve cautela de esperar pois se o clube mineiro recorresse o atleta voltaria ser jogador da Raposa.

O camisa 9 terá mais duas temporadas para defender a camisa do Fluzão. Vale ressaltar que o mandatário do time carioca também possui planos para Fred após a aposentadoria dos campos. Hoje (31) pela manhã, o clube vem publicando vários vídeos e fotos com mensagens ocultas sobre o acerto desta negociação, deixando a torcida eufórica.

NOVELA FRED

Desde sua saída do Fluminense em 2016, por conta de briga com Peter Siemsen, presidente do clube na época, e salários atrasados, o atacante não pisava nas Laranjeiras. Naquela ocasião, o atleta foi transferido para o Atlético-MG, jogou algumas temporadas no Galo e foi novamente negociado, desta vez para o Cruzeiro. Na Raposa, teve altos e baixos. Mas o limite foi em 2019, ano que o clube Celeste foi rebaixado pela primeira vez na história. Uma temporada para o atacante esquecer.

O clube mineiro se afundou em dividas, acontecimentos políticos entre outros problemas e acabou sendo refletido em campo. Por conta disso, foi rebaixado e muitos atletas saíram. Entre eles, o atacante Fred. O jogador de 34 anos, jogou seu último oficial em dezembro e desde então não entrou em campo.

Em janeiro o Cruzeiro voltou para a pré-temporada, mas Fred não se apresentou. Deixando desde já clara sua intenção de rescindir. Após tentativas frustradas de conversas amigáveis, o jogador botou o clube na Justiça do Trabalho para enfim deixar de ser funcionário da instituição. Com isso, conseguiu a liminar para que autorizava a rescisão mas o clube Celeste tinha chance de recorrer.  Vale lembrar que, Fred cobra salários atrasados, férias, 13º, FGTS e direito de imagem, que segundo o portal UOL, nunca foi recebido. Os valores passam de R$70 milhões.

Por conta disso, o Fluminense teve que esperar esse tempo todo para poder realizar o sonho de repatriar o maior ídolo recente do clube. Justamente porque o Tricolor tinha medo do Cruzeiro recorrer, e a justiça autorizar a volta do atleta para toca da Raposa. Por fim, durante esses cinco meses de negociação, o atacante nunca escondeu sua felicidade sobre um possível retorno. Sempre usava as redes sociais para brincar com os torcedores do Fluminense. Atualmente, o atleta está passando a quarentena em seu sítio em Minas Gerais e faz postagens frequentes em seu Instagram dos treinos realizados junto ao seu preparador físico, Jefferson Souza, que já trabalhou com Fred na época do Flu.

FRED COM ARMADURA TRICOLOR

Antes de mais nada, vale lembrar que Fred é o terceiro maior artilheiro do clube com 172 gols. Chegou ao Tricolor das Laranjeiras em 2009 já sendo protagonista daquele ano. Naquela ocasião, o Flu tinha 99% de chances de ser rebaixado, mas o time de guerreiros conseguiu uma reação no final do Brasileirão e escapou na última rodada. No ano seguinte se consagrou Campeão Brasileiro, um título que o Fluminense não conquistava há 26 anos. Convivendo com lesões ao longo da temporada, Fred balançou as redes seis vezes no campeonato.

Na sequência, em 2011 fez uma boa temporada, mesmo sendo artilheiro do Carioca com 10 gols não levantou nenhum caneco. A glória estava reservada para 2012. Nesse ano, o jogador chegou ao seu auge no Flu. Começando com o título estadual sobre o rival Botafogo. Com direito a chocolate no primeiro jogo por 4 a 1 e Fred marcando gol de bicicleta. No Brasileiro teve ainda mais destaque. Depois de dois anos do título nacional, voltou a levantar o caneco. O atacante foi artilheiro e craque da competição daquela edição com 20 gols. Vale lembrar que, naquele campeonato de 2012, o gol do Fred no centenário do FlaxFlu foi considerado o tento mais bonito da história do Fluminense, de acordo com a votação no Globoesporte.com.

Após tais conquistas, os anos de glorias pelo Flu foi decaindo. O clube perdeu o patrocínio da Unimed e flertou com o rebaixamento em seguidas temporadas.  Mas nada apaga sua história pelo clube. Sendo protagonista por três anos seguidos do time, o atacante tem muita história para contar nas Laranjeiras. Fred disputou 288 jogos com a camisa Tricolor e balançou as redes em 172 ocasiões. Por fim, segundo o próprio jogador, além de ajudar os companheiros, sua nova meta é virar o maior artilheiro da história do clube que o abraçou.

Foto Destaque: Nelson Perez / Fluminense F

Gabriel Gonçalves
Formado em jornalismo, escolhi esse caminho pois gosto de contar histórias para as pessoas. Apaixonado por esportes, agradeço ao meu avô por ter colocado o futebol na minha vida.

Artigos Relacionados