Bidu é o segundo jogador sub-23 que mais atuou na Série B

Primeiramente, o lateral-esquerdo Bidu, de 22 anos, titular do Guarani durante a temporada, aparece entre os jogadores sub-23 que mais atuaram na Série B do Campeonato Brasileiro deste ano. Assim, o camisa 20 do Bugre ficou atrás, em número de jogos, apenas de Rafael Navarro, do Botafogo.

Por seguinte, o perfil da Série B nas redes sociais publicou, na tarde desta quarta-feira, os nomes dos cinco atletas da faixa etária com os maiores números de jogos na competição. Dessa forma, Bidu aparece em segundo lugar, com 35 partidas. Ficou atrás apenas de Rafael Navarro, atacante do Botafogo, que fez 37 jogos. Ainda, estão na lista Igor Paixão (Coritiba), David (Vitória) e Gabriel Pec (Vasco). Todos os três com 34 partidas.

O cria da base do Guarani falou recentemente sobre sondagens e avalia temporada como titular “especial”.

Primeiramente, a campanha do Guarani na Série B do Campeonato Brasileiro terminou sem o acesso. Porém, a disputa da competição teve muita importância para alguns jogadores do Bugre. Assim, Formado na base do clube, ele foi o titular da posição. Aos 22 anos, fez 35 dos 38 jogos do Guarani na Série B. Enfim, marcou quatro gols e deu quatro assistências.

“Fiquei feliz por ter feito uma temporada muita boa com o clube que me identifico bastante. Foi especial porque pude estar dentro de campo ajudando a equipe. Aprendi muito também. Acredito que foi um bom ano para o clube. O grupo foi bem montado, tivemos muito apoio da direção. Eu cresci bastante profissionalmente”, comenta o jogador. 

Bidu foi escalado em duas seleções da Série B. Uma delas montada por comentaristas do time de esporte de uma grande emissora e a outra em votação popular.

 Foto: Foto: Twitter / Série B
Foto: Foto: Twitter / Série B

 

Por seguinte, a visibilidade após a disputa da competição gerou o interesse de outros clubes. Então, nesta semana, o presidente do Guarani, Ricardo Moisés, comentou sobre sondagens de times da Série A e do exterior. Sendo assim, ele admitiu que há chances de negociar o jogador se chegar uma proposta. Dessa forma, o lateral também falou sobre o assunto.

“Somente sondagens. E eu peço a quem cuida dessa parte que só me fale algo quando for concreto e que seja bom para o clube.”, finalizou o jogador

Foto: Reprodução/ Thomaz Marostegan/Guarani FC

Kelvin Vendito
O amor ao esporte me direciona ao futuro. A paixão pelo grito de gol que se ouve em um estádio lotado, mostra o futuro certo que escolhi para a minha vida. O esporte sempre fez parte da minha vida. O esporte é minha vida!