Bebeto, da bola à política

- Consagrado boleiro de Seleção Brasileira, Bebeto entrou para a política

Consagrado boleiro de Seleção Brasileira, Bebeto abria entrevista citando "ouvintes meus cumprimentos". Ao manter a notoriedade como deputado estadual do Rio de Janeiro, desde de 1º de fevereiro de 2011, se habituou a chamar políticos da casa de vossa excelência ou nobre parlamentar. Naquela casa de leis, José Roberto Gama de

Denílson, o primeiro cabeça de área

- Denílson Custódio Machado foi um dos primeiros volantes considerados "cabeça de área" do Brasil e, quiçá, do mundo

"> ">

A Copa do Mundo da Rússia está "batendo às portas" e, diferentemente de outras ocasiões, ainda não se respira o clima da competição. Todavia, alternadamente a coluna vai enfocar atletas que participaram da Seleção Brasileira em Mundiais, um deles o volante Denílson, ex-Fluminense, na vexatória participação em 1966, na Inglaterra. O

Futebol e as suas metáforas

Palavreado usado pela boleira foi agregado a incríveis metáforas. Ladrão não é apenas quem se apodera de objetos e dinheiro da vítima. Também é o atleta adversário que consegue o desarme, ou ‘rouba’ a bola. Companheiros de equipes alertam sobre a aproximação do ‘ladrão’, sem que haja reação intempestiva de

Dadá Maravilha criou a palavra solucionática

Em recente programa de televisão, as primeiras palavras do ex-centroavante Dario, o Dadá Maravilha, foi um agradecimento a Deus no seu estilo folclórico. “Eu disse ao senhor que ele está me dando até demais. Pedi pra que me dê um pouco menos”.Essa espontaneidade de Dadá Maravilha é caracterizada desde os