Vila Nova triunfa na Copa Master e enfrenta Goiás na final

Neste sábado (28), o Vila Nova completou sua terceira vitória em três jogos na Copa Master após superar o Goiânia por 1 x 0. Dessa maneira, com gol de Cacá aos 3’ do 2º tempo, o Colorado enfrenta o Goiás na final do torneio. A saber, a decisão ocorre nesta quarta-feira (1º), às 20h (horário de Brasília), no Estádio Olímpico, na capital goiana. 

Trajetória do Vila Nova

A equipe estreou no dia 21 e venceu o Goiás por 4 x 3. Enquanto Leonardy, Robston e Wesley Brasília, duas vezes, fizeram os gols do Colorado, Vítor, Nonato e Dimba marcaram para o Esmeraldino.

Na 2ª rodada, triunfou sobre o Atlético-GO. Depois de um 1º tempo morno e sem gols, os times deslancharam na etapa final. Assim, no primeiro minuto do 2° tempo, Leonardy, que havia entrado no intervalo, abriu o placar para o Vila Nova.

Posteriormente, aos 16’, o Dragão empatou após cabeceio de André Leonel. Contudo, o Tigre voltou a abrir vantagem aos 38’. Assim, Leonardy de novo, também de cabeça, decretou a derrota do Rubro-negro.

Regulamento da Copa Master 

Antes de mais nada, os times são compostos por jogadores que já atuaram nas equipes principais ou nas categorias de base dos clubes. Assim, os atletas precisam ter idade acima de 40 anos. Além disso, é necessário ter no mínimo dois com 50 anos, que devem obrigatoriamente iniciar as partidas. 

Entretanto, como citado, o clubes podem inscrever até quatro jogadores com até 38 anos, sendo que apenas dois podem permanecer em campo simultaneamente. A saber, cada equipe poderá levar até nove jogadores para o banco de reservas.

A partir disso, podem haver até nove substituições, com três paradas ao longo dos 80 minutos de partida. Na fase inicial, as quatro equipes jogam entre sim em turno único. Assim, os dois primeiros colocados disputam a final da Copa Master 2021 em jogo único. Portanto, caso haja empate no tempo normal, o duelo será decidido nos pênaltis. 

Foto destaque: Reprodução/Instagram 

Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).