Neste domingo (10) acontecerá o primeiro Clássico dos Maiorais do ano e do Campeonato Paraibano. A 5ª rodada para Treze e Campinense acontecerá no estádio Amigão e será mandada pelo Alvinegro.

TREZE

O mandante só tem 50% de aproveitamento na competição e, por causa do pouco resultado, o ex-técnico do Galo, Maurílio Silva, entrou em comum acordo com o clube e pediu demissão depois da derrota contra a Perilima por 1 x 0 na quarta rodada.

Quem assumiu o comando alvinegro foi Marcinho Guerreiro, técnico com apenas um ano na nova função de treinador, mas que conseguiu conquistas relevantes à frente de times do Maranhão.

https://www.instagram.com/p/BtmH90qBAuW/

O Galo da Borborema está em terceiro lugar no grupo A do Paraibano com duas vitórias, duas derrotas e seis pontos na tabela. Para ficar mais próximo da classificação e melhorar sua posição, o Treze precisa vencer seu principal rival.

Provável Escalação: Mauro Iguatu; Diego Superti, Brumati, Léo Fioravante e Patrick Calmon; Copetti, Juninho e Misso; Diego Peixoto, Bravo e Teco. Técnico: Marcinho Guerreiro.

CAMPINENSE

O Rubro-negro, por sua vez, está melhor que o adversário no campeonato, ocupando a segunda colocação do grupo B com duas vitórias, um empate e uma derrota, o aproveitamento do time é de 58%.

A Raposa terá uma baixa importante no elenco. O atacante Chaveirinho lesionou em grau 1 o músculo adutor da coxa e estava no departamento médico em tratamento. Quando entrou em transição, durante o treino físico lesionou novamente o mesmo músculo, dessa vez em grau 2, e passará pelo menos mais um mês afastado dos gramados.

Provável escalação: Wagner Coradin; Neilson, Henrique Mattos, Richardson e João Victor; Cléber, Dênis e Dedé; João Paulo, Gustavo e Warlei. Técnico: Francisco Diá.

RETROSPECTO

O técnico rubro-negro Francisco Diá já comandou o Campinense no passado, nas campanhas 2015/2016. Durante esse tempo, a Raposa não perdeu nenhuma partida oficial para o Galo. A primeira derrota do técnico foi no último amistoso entre os rivais, que aconteceu na inauguração do novo gramado do Estádio Amigão. Por nunca ter perdido partidas oficiais, o intuito de Diá é não perder mais uma vez e manter seu tabu em cima do Treze.

Lídice Pegado
Sou Lídice Pegado, 21 anos, natural de Campina Grande-PB. Sou estudante de jornalismo pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), estagiária do caderno de esportes do Jornal Correio da Paraíba, apaixonada por jornalismo e amante do jornalismo esportivo. Minha paixão por futebol começou desde criança, quando acompanhava meu pai ao estádio para ver nosso time jogar. Amante, também, da escrita, espero poder contribuir com vocês de forma virtual no mundo da bola.

Artigos Relacionados