Sílvio Criciúma

O Paraná Clube demitiu o técnico Sílvio Criciúma, na tarde desta terça-feira (31). Assim, o treinador comandou o time em apenas cinco jogos. Logo, o auxiliar-técnico Jorge Ferreira, assume o cargo para a reta final da Série C.

Dessa forma, Sílvio Criciúma foi comunicado após reunião da nova diretoria, comandada por Rubens Ferreira. Nesse sentido, o time paranista publicou uma nota falando sobre a sua saída. Dessa forma, o novo presidente assumirá o clube, no dia 14 de setembro. Assim, optou pelo desligamento imediato, em conjunto com o presidente atual, Luiz Carlos Casagrande.

Anunciado em 22 de julho, Sílvio Criciúma substituiu Maurílio Silva. Nesse sentido, somou dois empates e três derrotas em cinco partidas. Assim, seu aproveitamento foi de 13,3%, muito abaixo do esperado pelo clube.

APROVEITAMENTO DE SÍLVIO CRICIÚMA

  • Paraná 1 x 1 Ypiranga-RS
  • Botafogo-SP 1 x 0 Paraná
  • Figueirense 2 x 0 Paraná
  • Paraná 1 x 1 Ituano
  • São José-RS 1 x 0 Paraná

Dessa forma, quem comandará o Tricolor nas quatro rodadas restantes é o auxiliar da comissão permanente, Jorge Ferreira. Ele também é responsável pelas categorias de base. Assim, Ferreira já havia treinado o time no empate contra o Oeste. Entre a saída de Maurílio e a chegada de Sílvio. Por fim, a equipe paranista tem 95,1% de risco de rebaixamento para a Série D.

NOTA DO PARANÁ

“O Paraná Clube comunica o desligamento do técnico Sílvio Criciúma, na tarde desta terça-feira (31). Agradecemos pelo trabalho realizado durante o período em que esteve conosco e desejamos sucesso na sequência da carreira”.

“A partir de hoje, quem assume o comando técnico do Tricolor é Jorge Ferreira, tendo como seu auxiliar Saulo Freitas. Desejamos sucesso aos profissionais que estarão à frente do clube”.

Dessa forma, o vice lanterna do Grupo B, com 10 pontos, o Tricolor está a seis pontos do São José-RS e Mirassol, primeiros times fora da ZR. O Paraná volta a campo diante do Criciúma no sábado, às 19h (horário de Brasília), na Vila Capanema, pela 15ª rodada.

FOTO DESTAQUE: Divulgação/Allexandre Fellipe/Paraná 

Luiz Santos
Escrever se torna um refúgio. Falar sobre esportes virou uma paixão. Setorista do Paraná FC