Ponte Preta treina na manhã deste sábado (28). (Foto destaque: Diego Almeida/ PontePress)

Acima de tudo sob chuva e muita descontração, a Ponte Preta finalizou na manhã deste sábado (28) a preparação para enfrentar o Vasco. A saber a equipe partiu para o Rio de Janeiro para o jogo no próximo domingo (29). Simultanemanete Gilson Kleina comandou um treino tático no Moisés Lucarelli, com ênfase no posicionamento tático e nas bolas paradas.

Eventualmente treinador da Macaca tem a chance de repetir a escalação para o duelo deste domingo, às 16h, em São Januário.

Assim como Kleina ganha opções para as laterais, com a volta de Kevin (livre de suspensão) e a regularização de Marcelo Hermes. Por outro lado também citar que realizou testes durante a semana, a tendência é que Kleina mantenha o time titular da vitória por 3 x 0 sobre o Brusque, no último domingo (22).

Decerto o técnico afirma que cada jogo é uma história e o mais importante é o comportamento do time no jogo:

“Que possamos ser uma equipe equilibrada muito competitiva porque eu acho que essa vontade de vencer ela tem que estar muito bem aflorada nesse jogo e a gente respeita todo adversário sabe que é um jogo difícil e temos que chegar em Sao Januário com nossas pretensões e ambição de buscar a vitória”

Ponte Preta para o jogo!

Com a finalidade de conquistar os três pontos uma provável Ponte tem Ivan, Felipe Albuquerque, Cleylton, Thiago Lopes e Rafael Santos (Marcelo Hermes); André Luiz, Vini Locatelli (Léo Naldi) e Fessin; Niltinho, Moisés e Rodrigão.

Ocasionalmente o volante Yago Henrique, outro recém-contratado, também teve o nome publicado no BID durante a semana, mas, pelas declarações de Gilson, ainda não pronto fisicamente para estrear.

Da mesma forma o retrospecto entre as duas equipes traz o encontro 44 vezes. De maneira que o Vasco leva a vantagem com 15 vitórias, contra 10 da Macaca. Além disso, as duas equipes ficaram no empate 19 vezes.

Por fim, o time vai em busca da primeira vitória fora de casa na Série B para se manter fora da zona de rebaixamento. Do mesmo modo a Ponte soma 22 pontos e ocupa 0 15º lugar.

 

(Foto destaque: Diego Almeida/ PontePress)

Ainah Carvalho
Ahhh o jornalismo, gosto muito do contato, de escrever, falar, questionar e lembro bem que desde pequena sonhava entrevistar os jogadores após o jogo. Aí cresci e o desejo continuava. Entrei para a faculdade de jornalismo e me formei em 2015. Na época da faculdade trabalhei em rádio-escuta em uma assessoria e fui repórter em um site de máquinas. Após a formação trabalhei em uma assessoria com artistas independentes e também já cuidei das redes sociais de um hotel. Fiz bons cursos no Senac como o jornalismo esportivo, grande amor, também fiz apresentação de programas jornalísticos e programas de variedades. Mas o que eu me identifiquei foi apresentar um programa esportivo. Ahhhh esse amor rsrs