Operário-PR confirma empréstimo de Marcelo

Empréstimo do Marcelo anunciado. Afinal, a situação do meia ficou instável no elenco do Fantasma desde o conflito com o treinador Claudinei Oliveira no confronto contra o Cruzeiro, pela 10ª rodada do Brasileirão Série B 2022. A saber, o clube alvinegro, após 10 dias do ocorrido, anuncia a saída do jogador da equipe. Em outras palavras, o atleta é emprestado para o Mirassol-SP.

“Não chegamos a um acordo, e o Operário-PR achou por bem dispensá-lo. Fizemos um acerto, já tinha time interessado por ele. Vai para o Mirassol.”, completa Álvaro Góes, ao GE.

Operário-PR confirma empréstimo de Marcelo para o Mirassol

Tudo começou quando o elenco alvinegro estava perdendo no GK para o Cruzeiro. Em outras palavras, aos 28′ do segundo tempo, Claudinei Oliveira fez a substituição do meia no momento que o clube buscava empatar o jogo. Na ocasião, imediatamente Marcelo não concordou com a situação e contestou a decisão do treinador com fervor no banco de reservas.

No compromisso seguinte, Marcelo não foi relacionado entre os titulares e ficou afastado do confronto. Ainda mais, mesmo após treinar com o grupo para a partida contra o Bahia, também ficou de fora da disputa.

Após 10 dias do ocorrido, em comunicado oficial, o Operário-PR confirmou a saída de Marcelo do elenco do Fantasma.

Para o presidente do clube, existia a expectativa da resolução do caso do atleta com o treinador. “Tem uma hierarquia que precisa ser cumprida à regra: presidente, diretores, treinador. Ele precisa respeitar, não é dono de si.” , completa o gestor Álvaro Góes. Todavia, como isso não aconteceu, o meia será emprestado para o Mirassol para a disputar o Brasileirão Série C 2022.

Vale lembrar, o jogador estava em sua segunda passagem no elenco alvinegro. Ou seja, foram mais de 120 jogos pela equipe da Vila. Ainda mais, somou 11 gols com a camisa do Fantasma.

Sendo assim, o meia reencontrará o ex-técnico do clube alvinegro, Ricardo Catalá. Por fim, Marcelo tem como previsão de permanência no time paulista até o fim da temporada 2022.

Foto Destaque: Reprodução/ André Jonsson/ OFEC 

Amanda Scarlatt
Amo poder ter o jornalismo como a minha maneira de expressão. Sou apaixonada pelo meio digital e tudo que podemos construir nele na comunicação. Acredito fielmente na essência de uma boa matéria jornalística: a investigação. Afinal, independente da sua editoria e formato, o jornalismo pode mudar vidas. Enfim, VIVA O JORNALISMO!

Deixe um comentário