Matheus Costa

Nesta quarta-feira (29), o Operário-PR anunciou a saída do técnico Matheus Costa. A saber, a nota divulgada no site oficial do clube não revelou o motivo e nem se houve um comum acordo entre as partes. Vale lembrar, o treinador estava no Fantasma desde outubro de 2020. Contudo, desde a entrada do segundo turno do Campeonato Brasileiro 2021, a equipe acumula a sétima partida sem vitória.

O TÉCNICO MAIS LONGEVO DA SÉRIE B!

“A diretoria do Grupo Gestor do Operário Ferroviário comunica que o técnico Matheus Costa e o preparador físico Rodolfo Mehl não fazem mais parte da comissão técnica do Fantasma. O Operário agradece aos profissionais pelo comprometimento e profissionalismo durante o período a serviço do Fantasma. O clube deseja muito sucesso nos seus próximos desafios.”, segundo nota oficial do Operário Ferroviário Esporte Clube.

Essa foi a maneira oficial que o clube notificou a saída do então técnico Matheus Costa. A saber, o clube não está em seu melhor momento dentro do campeonato. Afinal, acumula o seu sétimo confronto sem vitória, o que por sua vez, intensificou a cobrança dos dirigentes e da torcida para mudanças de resultados.

DA SEGUNDA MELHOR CAMPANHA PARA DEMISSÃO

Em síntese, Matheus Costa assumiu o Operário na 10ª colocação da Série B de 2020. Durante o campeonato passado foram 10 vitórias, cinco empates e seis derrotas. Ou seja, cerca de 51% de aproveitamento com a finalização na 8ª posição, com 57 pontos. A saber, a segunda melhor campanha do segundo turno da série B em 2020. Enquanto isso, nesta temporada o clube ocupa o 12º lugar, com 34 pontos. Em outras palavras, acumulam nove triunfos, sete empates e 11 revés.

Todavia, o jejum tem aproximado cada vez mais o Fantasma da queda do que do acesso. Afinal, a distância do G-4 ampliou e a do Z-4 diminuiu. Ou seja, o grupo possui apenas oito pontos de diferença do 17º colocado. Ainda mais, o clube não vence desde o 2 x 0, em casa, sobre o Vasco da Gama.

FALA MAIS, MATHEUS COSTA!

Após o notícia, Matheus Costa compartilhou em suas redes sociais o motivo da decisão de sua saída. O que segundo ele, foi decidido apenas pelo clube.

“Há uma semana eu estava comemorando o fato de ser o técnico mais longevo da série B com quase um ano de permanência no Operário. Hoje, por uma decisão do clube, me despeço depois de uma derrota em que jogamos bem, mas não conseguimos suportar a pressão com um jogador a menos.”, comenta o ex-técnico do Operário.

Ainda mais, Matheus comentou rapidamente a boa atuação que a equipe estava construindo durante o primeiro turno e a expectativa de entrada no grupo de acesso. Além disso, agradeceu a oportunidade de treinar junto ao Operário e desejou boa sorte para os próximos passos do plantel.

Foto Destaque: Reprodução/Marlon Costa/Pernambuco Press

Amanda Scarlatt
Amo poder ter o jornalismo como a minha maneira de expressão. Sou apaixonada pelo meio digital e tudo que podemos construir nele na comunicação. Acredito fielmente na essência de uma boa matéria jornalística: a investigação. Afinal, independente da sua editoria e formato, o jornalismo pode mudar vidas. Enfim, VIVA O JORNALISMO!