Mirassol

Nesta quarta-feira (28), o Leão da Alta Araraquarense anunciou uma grande novidade para o universo do futebol. Afinal, o Mirassol se tornou o primeiro clube no país a ter um centro de treinamento com painéis solares. Em suma, a inciativa, que faz parte de um projeto ambicioso de nacionalização da equipe, pretende praticamente zerar a conta de energia. Assim, a instituição que hoje gasta cerca de R$ 6.750 por mês, vai ver os números caírem para uma mínima fração deste valor.

Projeto de nacionalização do Mirassol

Desde o ano passado, o clube tem investido pesado em um projeto de nacionalização. Em suma, nada mais é do que alavancar o nome da instituição e colocá-lo entre os principais do país. Como resultado, a equipe tem colhido ótimos frutos ultimamente. Afinal, o Leão conquistou o título da Série D em 2020 e pela primeira vez participou da Copa do Brasil, nesta temporada. Agora deu mais um passo a frente, ao se tornar o primeiro time no país a instalar energia solar fotovoltaica em seu CT.

Parceria com a Ecori Energia Solar

A princípio, em fevereiro de 2021 a Ecori Energia Solar se tornou patrocinadora do Mirassol Futebol Clube. Aliás, a equipe é natural da cidade de Mirassol, que fica próxima a São José do Rio Preto, local onde a empresa iniciou suas atividades. Agora essa parceria com toda a certeza irá produzir ainda mais resultados. Uma vez que, os valores da marca se alinham aos do time de futebol, reforçando o planejamento a longo prazo, a economia e a sustentabilidade.

“Estamos fazendo esse investimento pensando na sustentabilidade e na redução de custos a longo prazo. A previsão de retorno de todo o investimento para antes de quatro anos. Nossa conta de luz, que hoje é de R$ 6.750 por mês, deve cair para uma mínima fração deste valor”, afirma Edson Ermenegildo, presidente do Mirassol.

Ao mesmo tempo em que a parceira favorece ambos os lados, ela também coloca em pauta um dos principais assuntos de quando se fala em novas fontes de energia: a solar. Desse modo, para o presidente da empresa, Leandro Martins, esse é o principal objetivo da Ecori, investir no esporte e divulgar a energia solar.

“Ao decidir por um sistema de energia solar, o consumidor deve ter em mente que está escolhendo uma empresa com quem vai se relacionar por pelo menos 25 anos. É uma relação de confiança e de longo prazo. Entendemos que por meio do futebol poderemos falar de energia solar com mais pessoas, popularizando e democratizando o acesso à energia limpa para milhares de pessoas”, afirmou o presidente da Ecori Energia Solar.

Missão e valores do Mirassol

Por fim, Edson Ermenegildo destaca que a energia solar e a parceria com a Ecori fortalecem a visão de inovação e planejamento do clube para o longo prazo. “Estamos muito felizes e empolgados com mais essa etapa da nossa parceria. São decisões inteligentes para o desenvolvimento sustentável e crescimento do nosso querido Leão”, concluiu.

Leia mais notícias sobre o Mirassol

Foto destaque: Divulgação/Mirassol

Carlos Soares
Carlos Soares
Além da enorme paixão pelo esporte, eu sempre tive facilidade com a comunicação no geral. É uma habilidade que me destaca em qualquer ambiente que esteja. O desejo de fazer jornalismo surgiu devido a vontade de fazer com que essa aptidão possa me proporcionar grandes desafios em minha carreira profissional, principalmente na área esportiva. Ao ingressar na faculdade e estagiar na área, descobri diversas abordagens diferentes que o jornalismo pode ter e a quantidade de histórias que estão esperando para serem contatadas. O que fez eu me interessar ainda mais pela profissão e querer desempenhar um fazer jornalístico objetivo e de qualidade.

Deixe uma resposta