Lucas Góes projeta Série B do estadual pelo Atlético Catarinense

A princípio, o volante Lucas Góes, de 22 anos, emprestado pelo Joinville, estreou no Campeonato Catarinense da Série B, no último domingo, dia 29. Dessa forma, vestindo a camisa do Atlético Catarinense, clube de São José, o meio-campista atuou 90 minutos no empate diante do Carlos Renaux, pelo placar de 1 a 1. Além de Góes, os josefenses também contam com André Rosa, Willian Silva, Cayque, atletas que também estão emprestados pelo Tricolor, que no momento.

“É importante para todo jogador ter minutagem. O Atlético Catarinense nos abriu as portas. Um clube que vem crescendo no estado e que nos oferece uma boa estrutura de trabalho. A Série B desta temporada está muito equilibrada, com grandes jogadores e bons times. Portanto, nosso elenco tem muita qualidade e tenho certeza que vamos evoluir dentro da competição e alcançar nosso principal objetivo que é o acesso”, disse o meia.

Por outro lado, o Atlético Catarinense é comandado pelo técnico Douglas Bazolli, um dos responsáveis pela formação de Góes nas categorias de base do JEC.

Douglas é um cara muito importante na minha carreira. Tanto dentro quanto fora de campo. Me ajudou muito na transição da base e profissional. Atualmente pelo Catarinense, a responsabilidade é ainda maior. Contudo, o nosso elenco tem uma mescla muito interessante de jogadores experientes, como Rafael Lima. Visto que é um exemplo de profissional que o tempo todo nos auxilia como se portar”, comentou Lucas Góes.

O próximo desafio do Catarinense será contra o Criciúma, na segunda-feira (13), às 19h (horário de Brasília), no estádio Heriberto Hulse, em Santa Catarina.

Foto: L3 Mídia Esportiva

 

Tity Marx
Na verdade, não fui eu que escolhi o jornalismo e sim ele que me escolheu. Sem dúvidas, a profissão é como um oceano que precisa ser desvendado na sua profundeza, só assim é possível conhecer e respeitar toda sua beleza.