Com gol de Leandro Camilo nos acréscimos, Brasil pate Operário em casa

Meu Deus, o improvável aconteceu! Com dois do zagueiro Leandro Camilo, o Brasil de Pelotas bateu o Operário-PR, em pleno Germano Kruger pela 26° rodada do Brasileiro Série B. Os dois tempos foram bem distintos e venceu quem teve as melhores oportunidades. Com isso, os paranaenses se afastaram da briga pelo G-4, enquanto o xavante continua na mesma posição, mas mais longe do Z-4.

1° Tempo

A dupla de ataque Fantasma começou o jogo a mil por hora. Logo aos sete minutos, Felipe Augusto recebeu em profundidade, o problema foi que a finalização saiu torta e para fora. Minutos depois, foi a hora de seu companheiro brilhar. Allan fez jogada pela esquerda cruzando para Lucas Batatinha chegar de carrinho finalizando, mas parando nas pernas de Carlos Eduardo. Já aos 30′ Cleyton pegou errado na bola que parou com Batatinha, o atacante cotou o marcador e bateu forte sem chances de defesa do goleiro. Os vistantes não tiveram uma chance de gol, durante os 45′.

2° Tempo

No entanto, no primeiro minuto da segunda etapa já vimos que a bronca no vestiário deu certo. Washington ganhou no alto e colocou do lado do gol. Aos 66′ em cobrança de falta, Leandro Camilo se esticou todo para empatar o jogo. Com isso, o xavante tomou mais conta da partida, mas não criava muitas chances, até os acréscimos. Aos 91′ a bola parada, forte característica gaúcha, fez diferença. Pós outra cobrança de falta, Rodrigo Viana tentou afastar, porém, a bola caiu nos pés do zagueiro artilheiro e Leandro Camilo contou com o quique da bola para virar o jogo em Ponta Grossa. Por isso, a comemoração de comissão técnica e jogadores gol longa após o término da partida, o GEB respira mais aliviado agora.

https://twitter.com/GEBrasilOficial/status/1180642683934691328

E Agora?

Com a derrota, o Operário cai para a nona colocação, com 36 pontos, e se afasta do G-4. Na próxima terça-feira, às 19h30, o time de Gerson Gusmão tentará a recuperação contra o rival estadual Paraná, novamente em casa. Já o Brasil fica em 12º na tabela, com 33 pontos, e se afasta da zona de rebaixamento. No mesmo dia e horário, o time de Bolívar pega o Criciúma no Heriberto Hülse.

 Foto destaque: José Tramontin/OFEC

Melhores momentos

Guilherme Ribeiro
Sou Guilherme Ribeiro, 20, paulista da região do ABC. Ler e escrever é um hobby, para o esporte que é a minha paixão.

Artigos Relacionados