Higo Magalhães projeta jogo difícil contra Goiás: “nível de competitividade muito alto”

Nesta sexta-feira (24), dando início à 26ª rodada da Série B, o Vila Nova joga contra o Goiás no Estádio da Serrinha, em Goiânia. A partir disso, o técnico colorado, Higo Magalhães, comentou sobre o clássico goiano. Em resumo, com objetivos diferentes na competição, as equipes se enfrentam às 19h (horário de Brasília).

Assim, enquanto o Esmeradino quer colar no líder Coritiba, o Colorado tenta se distanciar da zona de rebaixamento. De acordo com o comandante, a sua equipe tem um objetivo muito claro no torneio: permanecer na Série B. A saber, o Tigre ocupa a 16ª posição da tabela, com 27 pontos, dois a menos que o Vitória, 17º colocado.

O clássico vai ser muito tenso, com muita estratégia, um nível de competitividade muito alto. A gente sabe que a motivação já será gerada normalmente, porque todo atleta quer jogar este tipo de jogo. Portanto, esperamos que a gente possa fazer uma grande parte. É lógico que atualmente estamos numa situação delicada na competição. A corda está bem esticada. Tivemos frustração por não ter conseguido os três pontos contra o Confiança, mas a Série B vai ser assim até o final. É um perde-ganha muito grande. Equipes que estão lá em cima perdem e, assim, vão oscilando dentro da competição. Então, o importante é entender que a nossa briga é bem clara de fazer o máximo para o Vila Nova permanecer na Série B. Esse é o nosso objetivo. Precisamos entender que a competição é muito difícil e vamos lutar até o final”, garantiu Higo Magalhães.

Higo Magalhães tem desfalques para o clássico, mas conta com retorno importante

Para o duelo, o Tigre não conta com o lateral-esquerdo Bruno Collaço, suspenso, nem com o meia Renan Mota, lesionado. Além disso, Pedro Bambu ainda é duvida. A saber, na ponta defensiva, Willian Formiga assume a titularidade. Por outro lado, o volante Dudu retorna de suspensão e volta a ser titular.

Retrospecto Goiás x Vila Nova

De acordo com o site Futebol de Goyaz, as equipes se enfrentaram 320 vezes. Assim, o Goiás venceu 152 duelos, enquanto o Vila Nova saiu vitorioso em 81 jogos. Além disso, outras 87 partidas terminaram empatados. Por fim, quanto ao número de gols, o Esmeraldino também leva a melhor: 479 contra 337. A saber, no 1º turno da Série B, o clássico terminou em 0 x 0.

Foto destaque: Reprodução/TigrãoTV

Danyela Freitas
Sou goianiense, graduada em Letras pela Universidade Federal de Goiás (UFG), pós-graduada em Jornalismo Esportivo pela Estácio-SP e tenho três grandes paixões: a escrita, a leitura e o esporte (não necessariamente nessa ordem).