Goiás encerra preparação

O Goiás finalizou, nesta quinta-feira (10), a preparação para o duelo contra o Cruzeiro pelo Campeonato Brasileiro Série BNesse sentido, a comissão técnica, comandada por Pintado, encerrou o último período de treinamentos, pela manhã, no CT Edmo Pinheiro, e embarcou para Belo Horizonte.

O TREINAMENTO TÁTICO DO GOIÁS

Antes de viajar para Minas Gerais, Pintado comandou seu último treino. A princípio, o treinamento contou com um trabalho tático. Em seguida, reforçou ideias defensivas. E por fim, dedicou-se a parte ofensiva, tendo um treinamento de finalização.

O EMBARQUE PARA BELO HORIZONTE

Após o treino, toda a delegação partiu para Minas Gerais, onde enfrentarão a equipe do Cruzeiro. Logo após a chegada, terão diversas sessões de trabalho. Em suma, a última preparação será no sábado (12) de manhã, dia do jogo, no Estádio do Mineirão.

O CONFRONTO

Ambas as equipes chegam para a partida em momentos completamente distintos. De um lado, o Goiás com excelentes atuações. Do contrário, o Cruzeiro segue sem conquistar sua primeira vitória.

Atualmente, a equipe esmeraldina ocupa a 5ª colocação do campeonato. Já o time mineiro, está no fundo do posso, na 20ª posição.

CRUZEIRO X GOIÁS – FICHA TÉCNICA

Conforme informado anteriormente, a partida acontecerá no Estádio do Mineirão às 21h (horário de Brasília). Entretanto, de antemão, o jogo estava programado para acontecer às 16h30. Essa mudança partiu da CBF. Em síntesea entidade explicou que o motivo é o intervalo do confronto pela Copa do Brasil entre Cruzeiro e Juazeirense.

Assim, confira as prováveis escalações:

Cruzeiro: Fábio; Cáceres e M.P. de Souza nas laterais; Joseph e Ramon fechando o sistema defensivo; Adriano, Rômulo e Flávio no meio campo; e R.Sóbis, B.José e Airton no ataque.

Goiás: Tadeu, Apodi e Hugo nas laterais, David Duarte e Reynaldo fechando o sistema defensivo, C.Vinícius da Conceição e Breno de volantes, J.D.I.Fagundes e Élvis mais a frente; Alef Manga e Bruno Mazenga no ataque.

Foto destaque: Reprodução/Rosiron Rodrigues/Goiás

André Merice
André Merice
A paixão pelo esporte me fez escolher a profissão. A experiência como atleta não foi como o esperado. Então, procurei algo que me encaixasse. E o Jornalismo foi a primeira opção! A facilidade de escrever e apresentar foi outro fator determinante também.

Deixe uma resposta