Emelec recebeu neste sábado (12) no Estadio Banco del Pacífico Capwell, o lanterna do torneio El Nacional, em um jogo com bastante chances, o Mata Gigantes aproveitou as oportunidades e conseguiu uma vitória muito importante que o iguala com mesmos números de pontos do seu maior rival Barcelona que é o líder do Campeonato. Portanto, as equipes se enfrentaram às 22h30 (horário de Brasília).
Um pouco mais cedo, a LDU de Portoviejo recebeu em sua casa vice-lanterna Mushuc Runa, em um jogo trucado as equipes fizeram uma partida movimentada nos 90 minutos, mas ninguém conseguiu abrir o marcador. O duelo aconteceu no Estádio Reales Tamarindos, às 20h (horário de Brasília).

CAMPEONATO EQUATORIANO – 28ª RODADA

LDU de Portoviejo 0 x 0 Mushuc Runa

Equipes com bastante apetite de gols, entraram em campo com a missão de conseguir se afastar da zona de rebaixamento. Em um jogo trucado a LDU de Portoviejo começou pressionando a defesa do El Mushuc, a partida inteira teve as melhores oportunidades para abrir o marcador, todas parava no goleiro Ivan Brun. Mushuc Runa tentava sair da vice-lanterna e ultrapassar os Alviverdes de Portoviejo na tabela. Enfim, ao total foram dois cartões para o time da casa, porém para o visitante foram quatro cartões por faltas duras.
No 2º tempo o cenário nada mudou a La Caipira acentuou-se no ataque e teve uma bola no travessão, uma bola tirada em cima da linha pelo zagueiro do Mushuc. Por fim, a partida terminou com 68% de posse de bola para o time da casa e 40% para a equipe visitante.

Emelec 3 x 0 El Nacional

Emelec começou o jogo já partindo para cima do lanterna El Nacional. Por outro lado, em uma noite inspirada do meia atacante José Cevallos, que fez dois dos três gols da vitória do El Bombillo. O primeiro gol da partida surgiu após uma bela jogada do camisa 21, Cevallos. O jogador, que foi derrubado dentro da grande área, cobrou com categoria e converteu a cobrança penal. O segundo a balançar as redes foi o camisa 5, Arroyo, logo após uma cobrança de escanteio que o zagueiro da La Maquina afastou mal.

No 2º tempo teve o mesmo cenário da primeira etapa. O Emelec dominando de ponta a ponta, em uma linda troca de passes o cara da partida. José Cevallos. mandou uma bomba da linha da grande área, sem nenhuma chance ao goleiro do El Nacional. Por fim, a posse de bola da partida foi de 63% para o Los Eléctricos, e 37% para o Los Puros Criollos.

Foto Destaque: Reprodução/Facebook/ Club Sport Emelec

Por: Francisco Diogo

Avatar
Francisco Diogo
Sou de Maria da Fé-MG, tenho 21 anos, estudo jornalismo pela Uninter. Sempre fui apaixonado por Jornalismo e Futebol. Assim, tenho como objetivo de crescer na área e se tornar repórter. Tenho como inspirações no jornalismo o Paulo Vinícius Coelho (PVC), Mauro Beting, Bruno Formiga e Luiz Megale. Atualmente trabalho na Rádio Morada do Sol FM.

Artigos Relacionados