Diego Cocca - HECTOR RIO / AFP

O técnico argentino Diego Cocca não seguirá no comando da equipe do Rosario Central. Apesar de nas últimas semanas a negociação se encaminhar para um desfecho positivo, na última terça-feira (16) o clube se despediu do treinador pelo Twitter. Segundo o portal LANCE!, a diretoria do clube pensa em apostar em suas categorias de base, algo que contraria o pensamento de seu ex-comandante, que por sua vez pensa em reforços para um futuro mais próximo.

O treinador até havia aceitado uma redução salarial, porém divergências com relação ao planejamento culminaram na não renovação do vínculo, que se encerra no próximo dia 30. Todavia, o ex-lateral diz estar surpreso. Para ele, o principal entrave para o desacordo foi o tempo de trabalho. Em recente entrevista para a Rádio Continental, Cocca disse:

“Estou surpreso. Não foi por questão da pandemia ou economia dentro do clube. O principal tema é a falta de compatibilidade do tempo de trabalho. Expliquei qual seria minha ideia a diretoria, mas não foi aceito”

Além disso, o ex-jogador complementou:

“Inicialmente, o contrato de renovação tinha seis meses, depois passou para um ano. Eu disse que gostaria de ir até dezembro do ano que vem. A diretoria prometeu estudar o caso e quando me deram a resposta ela foi negativa.”

https://twitter.com/CARCoficial/status/1272932891442454529?ref_src=twsrc%5Etfw%7Ctwcamp%5Etweetembed%7Ctwterm%5E1272934149402353666&ref_url=https%3A%2F%2Fwww.lanacion.com.ar%2Fdeportes%2Ffutbol%2Frosario-central-diego-cocca-kily-gonzalez-nid2380530

Campanha no Campeonato Argentino

Em uma trajetória marcada por uma boa recuperação durante a competição, o Rosario terminou na 9ª posição. Desta forma, a equipe garante vaga para a disputa da próxima Copa Sul-Americana. Todavia, apesar da campanha não muito boa, o técnico contava com o respaldo da torcida. No geral, o retrospecto de Cocca conta com 33 partidas, sendo 12 vitórias, 11 empates e 10 derrotas.

Substituto de Cocca

O favorito para assumir o cargo de treinador é o também ex-jogador Kily González. Bastante querido pela torcida e identificado com o clube Canalla, o técnico já declarou publicamente seu desejo de treinar o clube. Logo após o anúncio da saída de Cocca, alguns torcedores do Rosario se manifestaram pedindo a contratação do ex-atleta. Agora, com o caminho livre, é o desfecho mais provável para as próximas semanas.

Foto Destaque: Reprodução/Hector Rio/AFP

 

Avatar
João Lopes
Sempre tive paixão por informar e escrever. Como sempre gostei de futebol e, não sei falar de outra coisa na vida, decidi que trabalharia com isso. Tentei com a bola nos pés, mas não tive um empresário de sucesso...Brincadeiras à parte, com o passar do tempo, percebi que era melhor com a caneta na mão do que com a chuteira no pé.

Artigos Relacionados