Em jogo decisivo, União Barbaerense perde para Desportivo Ferroviária. Locomotiva atropela, abre 2 x 0 e espera novo confronto, já que com seis pontos está automaticamente classificada. No jogo das 16h (Brasília), Vitória vence com risco e foca em ‘possível vantagem' de se classificar. Time Grená e Tigre ainda são favoritas e esperam último confronto para definição de chaveamento.

COPA SÃO PAULO DE FUTEBOL JUNIOR  – GRUPO 14 – 2ª RODADA

União Barbarense 0 x 2 Desportiva Ferroviária 

Na tarde de hoje (6), no estádio Antônio Lins Ribeiro Magalhães, o Desportiva Ferroviária foi surpreendido pelo União Barbarense no duelo que pode decidir o jogo com um empate simples  durante o primeiro tempo de partida. Conformados com a vitória sobre o Vitória-BA por 2 x 1, a Locomotiva não se precipitou a jogar rumo a vitória, apesar de  alguns sustos diante do já eliminado.

Durante a primeira etapa, com o jogo muito estudado, a Grená sequer precipitou e acionou o ataque, cadenciando e levando o jogo. Por parte do Camisa 13 de Maio, em busca de uma reação foi mais enfática durante 35 minutos de jogo. No entanto, a surpresa veio com Gabriel, numa bola recebida perto da grande área, a Tiva abriu o placar no finalzinho, contabilizando 44’. O dianteiro teve tempo de dominar e escolher o canto para guardar.

Na etapa derradeira, embora tenha tido mais oportunidades e chance real de perigo, o alvinegro não conseguiu se concretizar em gol – também boa interferência do goleiro Augusto, se sobressaindo. Para esfriar o jogo, o Desportiva Ferroviária esfriou o jogo aos 38’, Buá entrou como quis, o goleiro Tileri evitou o primeiro, mas no rebote ela morreu no fundo do barbante Permanecendo assim, o ferroviária alcançou seu objetivo e está praticamente com os dois pés na segunda fase.

FALTA POUCO PARA A CLASSIFICAÇÃO!Gabriel e Buá marcaram, e os garotos da Desportiva Ferroviária sub-20 alcançam a…

Posted by Desportiva Ferroviária on Sunday, January 6, 2019

Vitória 1 x 0 Novorizontino 

Pela segunda rodada da primeira fase do Grupo 14, o Vitória  joga contra o Novorizontino, no estádio Antônio Lins Ribeiro Magalhães, às 16h (horário de Brasília). Em jogo morno time baiano tenta se redimir e esbarra no placar de 1 x 0. No início do primeiro tempo, apesar de boa chance do Leão para abrir o placar logo aos 26’ com Matheus João, o Vitória começou a cair de rendimento. Começou incisivo, pressionando o  Novorizontino. O gás acabou em seguida e o jogo ficou morno e mudou as caras. O Tigre ficou mais com a bola, conseguindo mais triangulações especialmente pelo lado esquerdo. O empate permanecia bom para o Aurinegro,que o garante em 2º lugar momentaneamente.  

Nos 45 minutos finais uma postura mais centrada do Novorizontino – querendo realmente a busca pelo empate e a segunda colocação, entretanto sabendo que o Vitória sairia mais para buscar o resultado. Os papeis se inverteram e o Tigre do Vale, de tanto recuar seu time, acabou sofrendo o embalo logo aos 34′ Edson Junior inaugurou o marcador para o rubro-negro baiano. Resultado que deixa o time com um pouco de esperança.

Gabriel Francisco
Nascido em 1996, Gabriel é escritor, poeta e cronista esportivo. Recentemente entrou para a Academia de Letras de Belo Horizonte pelo lançamento do seu livro "O Mistério de Suzan Cross". Aspirante a jornalista e radialista esportivo, produziu contos como "Copa da Zebra", entrevistou o jogador Pedro Rosa, em exclusivo, e produziu o conto do futebol feminino com "Clara Rodrigues, a menina dos ovos de ouro".

Artigos Relacionados