Arboleda por ir para o Lyon

O zagueiro Roberth Arboleda acertou a renovação de contrato com o São Paulo. Assim, o novo vínculo entre o jogador e o clube será até 2024. Além disso, o salário do equatoriano passará por um reajuste e deve chegar aos 500 mil reais mensais. Dessa forma, o acordo demorou, mas teve um final feliz para a torcida são-paulina.

As conversas entre a diretoria do clube e os agentes do atleta vinham desde a metade da temporada. Contudo, o entrave eram as pedidas salarias de Arboleda. Entretanto, chegou-se a um consenso que os valores recebidos pelo zagueiro eram bem abaixo. Afinal, Bruno Alves, que era reserva, ganhava mais que o camisa 5.

Agora, o cenário é completamente diferente. Inclusive, Bruno Alves não faz mais parte do elenco do São Paulo. Enquanto isso, o equatoriano tem seu lugar garantido entre os titulares na equipe de Rogério Ceni. Dessa forma, renovar o contrato de Arboleda era uma das prioridades de Júlio Casares.

Claro, dentro de um campo é um jogador crucial, que agrega muito ao sistema tático. Contudo, estender o vínculo do jogador é uma excelente estratégia financeira. Afinal, Arboleda é titular da Seleção Equatoriana, que deve ir à Copa do Mundo. Assim, o zagueiro ganha ainda mais mercado internacional e pode ser vendido por altas cifras.

No entanto, a diretoria fez um esforço gigante e sacramentou o negócio. Arboleda está feliz no time e a torcida quer a continuidade desse “casamento”. Dessa forma, um advogado do clube viajou até o Equador e o clube anúnciou oficialmente a renovação de contrato do zagueiro com o São Paulo.

Foto Destaque: Divulgação/São Paulo

Isaac Rufino
Tenho 19 anos e sou estudante de Jornalismo pela FMU, em São Paulo. Sou apaixonado por Jornalismo e todas as suas áreas, porém a minha preferência sempre foi na área esportiva. Meu primeiro objetivo é ganhar experiência na área, buscar conhecimento e aprender com os melhores, por isso estou aqui. Entretanto, ao falar sobre objetivos futuros, tenho certeza de que a minha maior meta é fazer a cobertura de uma Copa do Mundo. Me considero um cara exigente, obstinado e não me contento em ser apenas mais um. Estou aqui para mostrar a minha capacidade e galgar degraus dentro do Jornalismo.