Soteldo no radar de clubes italianos

Nesta quarta-feira (22), o nome de Yeferson Soteldo está agitando a torcida do São Paulo. Afinal, segundo informações da Band, o clube tem interesse na contratação do jogador. O venezuelano é o grande destaque da Seleção do seu país. Além disso, teve uma passagem marcante pelo Santos, em 2020. Atualmente, defende o Toronto FC, um dos times mais badalados da Major League Soccer (MLS).

Soteldo foi transferido para a equipe canadense por altos valores, cerca de 33 milhões de reais. Inclusive, a negociação foi polêmica, pois foi necessário incluir o Huachipato, clube em que o venezuelano jogou antes do Santos. Os paulistas não fizeram o pagamento na época pela contratação do jogador. Então, recebeu punições da FIFA na época.

Agora, ao que tudo indica, a negociação está longe de acontecer. Afinal, por se tratar de um jogador de valores muitos altos, o Tricolor Paulista deve recuar. Já que é de conhecimento geral que o clube passa por uma enorme crise econômica. Então, os moldes da conversa teriam que mudar de maneira drástica para que as partes sigam tratando. Contudo, neste momento é impossível enxergar um final feliz para o São Paulo.

Além dos valores para contratá-lo serem altos, o salário de Soteldo não encaixa nos padrões do São Paulo. No Toronto FC, o baixinho recebe cerce de 1,1 milhão de reais mensais. Dessa forma, o camisa 10 também precisaria aceitar reduzir as pedias para que o negócio siga adiante. Ou seja, mais um empecilho para a diretoria são-paulina resolver.

Por fim, fica claro que o momento é de cautela e a torcida não deve criar muitas expectativas. Afinal, o negócio parece que irá melar e as conversas encerradas logo mais. Inclusive, o Palmeiras está na briga por Soteldo e o Verdão possui condições financeiras melhores.

Foto destaque: Divulgação/Santos

Isaac Rufino
Tenho 19 anos e sou estudante de Jornalismo pela FMU, em São Paulo. Sou apaixonado por Jornalismo e todas as suas áreas, porém a minha preferência sempre foi na área esportiva. Meu primeiro objetivo é ganhar experiência na área, buscar conhecimento e aprender com os melhores, por isso estou aqui. Entretanto, ao falar sobre objetivos futuros, tenho certeza de que a minha maior meta é fazer a cobertura de uma Copa do Mundo. Me considero um cara exigente, obstinado e não me contento em ser apenas mais um. Estou aqui para mostrar a minha capacidade e galgar degraus dentro do Jornalismo.