San Lorenzo rescinde contrato com irmãos Romero/Foto divulgação: Instagram San Lorenzo

Desde já, chegou ao fim a era dos irmãos Romero no San Lorenzo. Do mesmo modo, El Ciclón anunciou no sábado (28), a rescisão dos seus contratos. Os dois atletas receberam 1,2 milhão de dólares pelos salários de um ano atrasados. Os gêmeos têm 29 anos e chegaram ao clube em 2019.

Por outro lado, o contrato dos Romero finalizaria em junho de 2022. Porém, a relação com o San Lorenzo estava muito ruim. Da mesma forma, o clube consegue respirar mais aliviado, tendo em vista a complicada situação financeira. De fato, sem a saída dos Romero, a diretoria não teria como arcar com a folha salarial dos demais atletas.

Neste ínterim, Óscar e Ángel Romero não poderão ir para nenhuma equipe argentina no próximo mercado de transferências. Uma cláusula dos contratos impede esta transação. De acordo com uma nota do El Ciclón, a rescisão foi decidida para desafogar a folha salarial e a necessidade de seguir o fair play determinado pela Liga Profissional.

Para quem não lembra, Ángel foi atacante do Corinthians. De qualquer maneira, foi bicampeão brasileiro. De tal forma, a imprensa divulgou, no início do ano, que o clube brasileiro estaria interessado na dupla. Segundo o jornalista César Merlo, da TycSports, o Corinthians deseja novamente contar com Ángel Romero. Ainda assim, nada foi concretizado até o momento. Além disso, Ángel quer continuar atuando ao lado do irmão. Só que esta condição na estaria na pauta do Alvinegro.

El Ciclón não vai muito bem no Campeonato Argentino. A equipe ocupa a 22ª posição na tabela. São 26 clubes disputando. Aliás, Los Cuervos não gostaram nem um pouco da saída dos irmãos Romero.

Os gols dos Romero no San Lorenzo

Por fim, durante a passagem pelo San Lorenzo, campeão da Libertadores 2014, a dupla de irmãos atacantes balançou as redes em 24 oportunidades. Sendo assim, nas 55 partidas que atuarem, Ángel Romero, ex-Corinthians, anotou 14 gols. Em contrapartida, Óscar Romero marcou 10 tentos com a camisa da equipe argentina. Em seu comunicado oficial, El Club de Papa afirmou que dará prioridade aos atletas das categorias inferiores do clube.

Foto destaque: Divulgação/San Lorenzo

Patrícia da Fonseca