Atacante Rick comemora boa fase no Ceará

Na terça-feira (3), o atacante Rick comentou sobre a boa fase que vive pelo Ceará. Assim, o atacante alvinegro, que ganhou espaço com o técnico Guto Ferreira, disse o que foi primordial para sua evolução.

ARTILHEIRO DO CEARÁ NA SÉRIE A

Em primeiro lugar, Rick marcou três gols até o momento pela Série A. Na mesma linha, o atacante vem sendo titular na maioria dos jogos após Mendoza ficar fora da equipe por punição. Portanto, Guto Ferreira decidiu dar o famoso “voto de confiança” para o jovem, mesmo sendo contestado pela torcida.

Em segundo lugar, apesar de já integrar o time desde 2019, Rick nunca apresentou um bom futebol que realmente encantasse o torcedor ao ponto de ser cobrado para ser titular. Decerto, com a saída de Saulo Mineiro, Rick ganhou muito espaço e busca equilíbrio. Por fim, o jogador destaca que o treinador alvinegro foi crucial para isso:

“Eu sou grato ao Guto pela oportunidade e por confiar no meu trabalho e ter persistido em mim. Eu acho que é uma troca de aprendizados e ele me ensinou a confiar mais em mim. Antes eu entrava nas partidas e me faltava confiar mais em mim e nas minhas jogadas. Hoje eu me sinto mais confiante. Entro faço o meu jogo. Acho que tudo é amadurecimento”.

RICK FOI O DESTAQUE NO ÚLTIMO CLÁSSICO-REI

Inegavelmente, Rick fez uma de suas melhores partidas na carreira no último Clássico-Rei, vencido pelo Ceará pelo placar de 3 x 1. Na mesma linha, mesmo saindo do banco, o atacante alvinegro entrou muito bem e simplesmente fez um golaço que definiu a vitória para o Ceará. Além disso, o mesmo deu mais velocidade ao ataque da equipe.

“Eu queria entrar e mudar o jogo e deu certo. Fiquei feliz por poder ajudar meus companheiros de trabalho. E é aquilo, né? Gol é bom e no Clássico-Rei mais ainda (risos)”.

Em suma, vale destacar que Rick é proveniente das categorias de base do Ceará. Assim, ele e mais três jogadores formados na base compõem o time principal do Alvinegro: Kelvyn, Gabriel Lacerda e Buiú, sendo que os dois últimos são titulares atualmente.

Foto Destaque: Reprodução/Ceará

Victor Bezerra
Desde o início da adolescência já era apaixonado pelo jornalismo. Até porque não é todo jovem que acorda cedo só pra assistir telejornal né? Minha primeira experiência na área está sendo aqui no Futebol na Veia e eu estou achando um momento ímpar. Jornalismo social e esportivo sem dúvidas, eu tenho um carinho maior. Personalidade? Organização, responsabilidade e vontade de dialogar com outras pessoas definem o "Victor Hugo".