Paulo Souza realiza primeiro treinamento com elenco do Flamengo

Na manhã de terça-feira (11), os jogadores do Flamengo tiveram seu primeiro treinamento com Paulo Souza. Assim, o clube vem tendo muitas mudanças desde a chegada do treinador, seja com novas instalações no CT até a saída de alguns atletas.

Inicialmente, o treinador Paulo Souza comandou seu primeiro treinamento no clube. Então, o trabalho teve muita conversa com os atletas, mas feito todo na academia, para preparar a equipe para a estreia no Campeonato Carioca. Entretanto, vale lembrar que o plantel titular do Fla deve estrear na competição apenas na 4ª rodada, quando enfrenta o Fluminense.

Decerto, o português chegou ao clube fazendo muitos pedidos e mudanças. Sendo assim, um dos pedidos foi de um telão no campo de treinamento para analises de jogos e treinos. Além disso, outros pedidos foram: ponto biométrico, refeições obrigatórias no CT, sem uso de celular durante as refeições e mudança no horário do treino, que antes era às 10h e foi alterado para as 8h.

Chegada e saída de atletas do Flamengo

A princípio, o Fla tem se mostrado bem tímido no mercado quando se fala em compra de jogadores. Assim, o clube vem tentando negociar com o Manchester United uma possível redução de preço do volante Andreas Pereira.

Então, o clube inglês pensa em negociar o atleta por algo em torno de R$ 20 milhões de euros, mas o Flamengo tem inicialmente a vontade de pagar algo em torno de R$ 15 milhões de euros.

Além disso, o clube tem mostrado interesse também em dois zagueiros. Então, o Mengão segue de olho na situação do zagueiro Pablo Mari, que fez parte do histórico elenco de 2019 e esta na lista de empréstimos do Arsenal. Assim, o outro que atleta que a diretoria segue monitorando é atleta Carlos Salcedo, atualmente no Tigres do México. Mas, ainda não se tem muitos detalhes sobre esse possível interesse.

Por outro lado, o Flamengo tem recebido muitas propostas para vendas e empréstimos de atletas. Então, até o momento, os jogadores que deixaram o Fla foram o volante Hugo Moura, que saiu emprestado para o Athletico-PR, e Piris da Mota, que foi vendido para o Cerro Porteño do Paraguai por cerca de R$ 1 milhão de dólares.

Foto destaque: Divulgação/Felipe Patiño/Flamengo

Gilvan Alves
Sou Gilvan Alves, tenho 22 anos, estudante de jornalismo, e desde pequeno apaixonado por futebol Brasileiro e europeu.

Deixe um comentário