Rubão explica situação de Casinha, alvo de protestos da Fúria Independente

A saber, o Paraná Clube viaja para o jogo contra o São José-RS após uma semana turbulenta. Assim, com o fim da parceria, protestos da torcida e seis partidas sem vitória, o Tricolor vive dias de intensa pressão dentro e fora de campo. Dessa forma, às vésperas de um duelo decisivo na luta contra o rebaixamento para a Série D, mais um jogador rescindiu o contrato.

Primeiramente, o Paraná viu a parceria com a FDA Sports chegar ao fim. A empresa era a esperança de salvação para o Tricolor na reta final da Série C, mas ela não pagou a parcela atrasada. Com isso, o vínculo – que iria até a metade de 2023 – chegou ao fim. Dessa forma, o clube acionou a Justiça.

Contudo, sem o apoio da FDA Sports, a crise financeira se acentuou. A situação, claro, reflete dentro de campo. Assim, o Paraná tem apenas dez pontos de 39 possíveis e não vence há seis jogos. Dessa forma, o time paranista está em situação delicadíssima dentro da zona de rebaixamento.

Em seguida, a Torcida Organizada Fúria Independente protestou de forma virtual e presencial. Assim, fez a publicação de um texto em que criticava a “bagunça” do clube e pedia a saída do presidente temporário, Luiz Carlos Casagrande, o Casinha.

FORA CASINHA

A saber, com nota publicada, encontrasse o relato da torcida onde os mesmos falam que apenas quatro jogadores, incluindo o técnico Criciúma conhecem o presidente.

Além da renúncia do Casinha, que automaticamente inviabilizaria a gestão Pro Tempore, solicitamos que o Conselho Deliberativo tenha o bom senso de antecipar a posse do novo Conselho Gestor eleito.

Apenas QUATRO atletas do elenco atual afirmaram conhecer o presidente do Paraná Clube, Sr. Luiz Carlos Casagrande, inclusive o treinador Silvio Criciúma. A paralisação da semana passada foi uma solução que os jogadores encontraram para que alguém do Conselho Gestor viesse falar com eles, porém, ninguém apareceu”.

É neste clima que o Paraná viaja neste sábado (28) para o jogo contra o São José-RS. Assim, a partida será no domingo (29), às 18h (horário de Brasília), em Porto Alegre. Os times estão separados por três pontos. O Tricolor é o 9º colocado, dentro da zona de rebaixamento, com dez pontos. O São José-RS ocupa a 8ª posição, logo acima da zona, com 13 pontos.

Foto destaque: Divulgação/Paraná

Luiz Santos
Escrever se torna um refúgio. Falar sobre esportes virou uma paixão. Setorista do Paraná FC