Goiás: Glauber avalia partida diante do Guarani

Em entrevista coletiva, o treinador do Goiás, Glauber Ramos, falou sobre o que espera na próxima segunda-feira (19). Dessa forma, o comandante contou sobre as expectativas para a partida diante do Guarani, no Brinco de Ouro.

O QUE ESPERAR DO GUARANI?

O Guarani vem de vitória em casa diante do Avaí, resultado que colocou a equipe dentro do G4, em 4º lugar, com 59 pontos. As equipes se enfrentam na próxima segunda-feira (22), no Estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP), às 20h (horário de Brasília). Assim, a partida  é válida pela 37ª rodada da Série B 2021. Segundo Glauber Ramos, a mobilização será forte, e o jogo tende a ser bastante competitivo:

“A mobilização é sempre forte para esses jogos. Teremos um período para estudar bem o Guarani e montar a estratégia. Não será fácil, vai ser um jogo muito competitivo, mas estamos no caminho certo. Os atletas estão muito unidos e conscientes do que é preciso fazer”, afirmou Glauber.

O QUE VALE A VITÓRIA PARA O GOIÁS?

Como mencionado acima, o Verdão enfrenta o Guarani na próxima segunda-feira (22), às 20h (horário de Brasília), no Estádio Brinco de Ouro. A vitória garante a equipe na elite do Campeonato Brasileiro. Os comandados de Glauber Ramos ocupam a 3ª posição, com três e seis pontos a menos que Coritiba e Botafogo, respectivamente.

ONDE ASSISTIR GUARANI X GOIÁS?

A partida terá transmissão dos canais da TV fechada. Contudo, o Premiere, que embora seja aparte dos canais contratados, também passará o jogo.

QUEM É O FAVORITO PARA O DUELO?

Por fim, as equipes prometem um grande duelo. Embora o Remo esteja jogando em casa, o Goiás tem um bom retrospecto como visitante na competição.

Assim, acredita-se que, por estar a frente da tabela e estar em um melhor momento, os visitantes são favoritos, mas sem descartar a possiblidade de gols dos mandantes e que eles dificultaram a partida.

Foto destaque: Divulgação/ Rosiron Rodrigues/ Goiás EC

André Merice
A paixão pelo esporte me fez escolher a profissão. A experiência como atleta não foi como o esperado. Então, procurei algo em que me encaixasse. E o Jornalismo foi a primeira opção! Falar já é bom, quando o assunto é futebol, se torna melhor ainda.