Decerto, o Santos tem uma base feminina muito forte. Aliás, muitas atletas já integram a equipe profissional, como Analuyza e Laura Valverde, por exemplo. Assim, as Sereinhas da Vila vêm fazendo uma belíssima campanha no Paulistão Sub-17. Em suma, a equipe conquistou 13 pontos em quatro vitórias, um empate e nenhuma derrota. Assim, obteve um aproveitamento de 86,6%.

Invictas na fase de grupos

A princípio, as Sereinhas da Vila estrearam diante do São Paulo, em casa. O clássico terminou com o empate sem gols. Inclusive, este duelo foi o único que o Santos não saiu com a vitória. De fato, o jogo com o Corinthians prometia uma certa dificuldade, por ser clássico e na casa do rival. Por outro lado, a equipe de Sandra Santos soube se portar e arrancar uma vitória por 2 x 1, de virada.

Depois disso, as Sereinhas da Vila emplacaram vitórias com muitos gols. Inicialmente, a vítima foi as meninas do União Mogi, que levaram 13 x 1 pra casa. Logo depois, foi a vez do Centro Olímpico sofrer 6 x 0. Com isso, as Meninas da Vila já se classificaram antecipadamente para as quartas de finais. Contudo, o Peixe emplacou mais uma vitória por 3 x 0 sobre o Ska Brasil. Portanto, as Meninas da Vila encerraram a 1ª fase invictas.

Classificadas à semifinal

De acordo com o regulamento da Federação Paulista de Futebol (FPF), os duelos de mata-mata são definidos em jogos únicos. Como teve a melhor campanha, o Santos definiu o duelos com o Rezende, no CT Rei Pelé. Sendo assim, as Sereinhas da Vila aplicaram 7 x 0 e avançaram às semifinais. Agora, a equipe aguarda o vencedor de São Paulo e Centro Olímpico. A saber, a semifinal está marcada para domingo (28), na Vila Belmiro.

Foto Destaque: Divulgação/ Pedro Ernesto Guerra Azevedo/ Santos F.C.

Thaynara Bernardo
Apaixonada por futebol desde os 10 anos, encontrei no jornalismo uma forma de me conectar com essa grande paixão. Na faculdade, desenvolvi trabalhos que me tornaram uma profissional versátil, com fácil adaptação e que adora novos desafios. Espero que um dia eu consiga o meu lugar no jornalismo esportivo!

Deixe um comentário