abel

Em suma, o treinador Abel Ferreira usou das estratégias de um ídolo para conseguir a classificação na Libertadores. Decerto, na entrevista coletiva após a partida, o português citou seu conterrâneo, José Mourinho, para explicar como pensou o confronto contra o Galo.

Na beira do campo, Abel se mostrou calmo e com a certeza de que tudo caminhava como pensou. Até sua postura tinha uma inspiração:

“Essa calma e inteligência eu me inspirei em Manchester United x Porto. O Mourinho empatou em casa, zero a zero, e no Old Trafford fez um gol no final para avançar. Foi isso que eu disse para meus jogadores, temos que fazer um gol e vamos fazer. Temos uma Libertadores impecável, limpinha, com mérito dos meus jogadores, trabalho árduo e disciplina, coisas que faltam no Brasil às vezes”.

Além de Mourinho, outro português apareceu nas explicações de Abel para uma mentalidade campeã, desta vez, o atacante Cristiano Ronaldo:

“É isso que faz a diferença de um rato e um homem, acreditar no seu trabalho. Eu sou português com muito orgulho. Quando você olha para o Cristiano Ronaldo você vê uma mentalidade vencedora, e disso eu não vou me abdicar nunca”.

Foto destaque: Reprodução/Palmeiras

Robert Ferreira
Sou o Robert! Fiz jornalismo para vivenciar histórias, estar dentro dos fatos e o principal, ter acesso a verdade, sempre! O esporte sempre esteve na minha vida, e unir a escrita com o futebol seria é o ideal de vida. Escrevi para redação do jornal universitário além de atuar fortemente nas redes sociais com posicionamentos sobre cultura negra. Sujeito calmo com o objetivo de ganhar o mundo!