Neste domingo (24), Santos e Goiás se enfrentaram pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série A. Assim, o jogo, que foi disputado no estádio da Vila Belmiro, teve uma tarde inspirada por parte dos ataques. O time da casa saiu acabou o primeiro tempo em vantagem, mas acabou sendo surpreendido na reta final e perdendo por 4 x 3.

1° TEMPO

O jogo começou com o ritmo alto. Já no primeiro minuto, Rafael Moura levou perigo após cabeçada. Aos 6′, o Santos respondeu com Pituca, mas a zaga tirou em cima da linha. Já no lance seguinte, a equipe da Vila administrou bem a posse de bola, até Marinho achar Lucas Braga para abrir o Placar. A partida estava bem disputada, com as duas equipes chegando bastante ao ataque. No entanto, aos 37′, Kaio Jorge só teve o trabalho de empurrar para o gol sem goleiro.

https://twitter.com/santosfc/status/1353463597188354050?s=24

2° TEMPO

A segunda etapa também começou bem intensa. Aos 9′, Rafael Moura descontou para os visitantes. Já no lance seguinte, Tadeu fez bela defesa após chute de Marinho. Em jogada de escanteio, aos 14′, o time esmeraldino chegou ao empate com David Duarte. Ambas as equipes estavam atacando em busca de ampliar o placar. Contudo, aos 30′, o juiz marcou pênalti para os visitantes. Fernandão bateu e os colocou em vantagem. No lance seguinte, Rafael Moura voltou a marcar, mas desta vez uma pintura. O atacante passou pela marcação e finalizou de cobertura, sacramentando o placar. Marinho, de pênalti, ainda diminuiu para os mandantes.

SANTOS x GOIÁS – E AGORA?

O Santos volta a campo na terça-feira (26) em jogo atrasado, contra o Atlético-MG, no Mineirão. A equipe, que tem decisão da Libertadores no sábado (30) contra o Palmeiras, precisa vencer o Galo porque, com o resultado de hoje, se afastou do G6. Enquanto isso o Goiás volta a campo só no próximo domingo (31), contra a equipe do Fluminense, no Engenhão.

MELHORES MOMENTOS – SANTOS x GOIÁS

Foto Destaque: Reprodução/Santos FC

Luiz Ary
Bom meu nome é Luiz Felipe e desde pequeno sou apaixonado em futebol. Como toda criança tinha o sonho de jogador mas a habilidade não ajudou muito. Então a melhor maneira que achei para trabalhar com o que eu amo foi o jornalismo esportivo! Estou cursando meu primeiro semestre de jornalismo na faculdade Anhembi Morumbi e meus objetivos são cobrir os principais jogos e campeonatos mundiais em grandes mídias. Sou um cara tranquilo que sabe viver bem em grupo e espero acrescentar com meus conhecimentos mas também aprender muito

Artigos Relacionados