No sábado (12), o Emelec recebeu o El Nacional em casa pela 28ª rodada do Campeonato Equatoriano e encostou na liderança após vencer por 3 x 0. O jogo aconteceu em Guayaquil, no Banco del Pacífico Capwell, às 21h (horário de Brasília). Logo em seguida, no domingo (13), foi a vez do Maracá receber a Liga de Quito no Estádio Bellavista, em Ambato, às 16h. Ao todo, foram sete gols. O time visitante venceu após marcar quatro contra três findados pelo time da casa. A vitória resultou ao LDU a conquista do 3º lugar na tabela de classificação

Campeonato Equatoriano – 28ª RODADA

Emelec 3 x 0 El Nacional

Nenhum dos dois times criaram grandes oportunidades na 1ª etapa. O Emelec, porém, se demonstrou superior desde o início. Seu esquema tático funcionou bem melhor e conseguiu ditar o ritmo do jogo, mesmo que um pouco abaixo do que era esperado. O resultado foi de um 1º tempo sem gols, mas com muitas faltas. 

No 2º tempo, em contraste com o 1º, o Emelec conseguiu se encontrar e despertar para a partida. O time cresceu após a entrada do nome do jogo, José Cevallos, que chegou já para marcar. Após 11 minutos em campo, o atacante fez o primeiro gol para o El Bombillo. No final do jogo, aos 42 minutos, foi a vez de Dixon Arroyo deixar o seu. Logo em seguida, Cevallos novamente finalizou do meio da área e assinou a vitória do Emelec sobre o Nacho. Com isso, após a derrota, o El Nacional se vê cada vez mais perto da série B, e já vai se despedindo enfim da LigaPro do Campeonato Equatoriano. 

Macará 3 x 4 LDU de Quito

Logo no início, a LDU de Quito pressionou e muito a equipe da casa. Aos sete minutos, o time visitante abriu o placar com Rodrigo Aguirre numa cobrança de pênalti. A resposta do Macará não demorou a aparecer. Logo em seguida, Jhon Campos revidou com uma pintura de cobertura, empatando o jogo. Pouco tempo depois, foi a vez de Leonel Padilha aproveitar a penalidade, desta vez a favor do time da casa, para virar o jogo. 

Ainda no 1º tempo, Aguirre mais uma vez foi feliz na finalização. De cabeça, aproveitou a cobrança de escanteio cobrada por Junior Sornoza e fez mais um. Antes que o time da casa pudesse se recuperar, nos acréscimos, Moisés Corozo mandou um chutaço de fora da área que resultou no terceiro gol do visitante. No 2º tempo, o time mandante conseguiu empatar novamente, dessa vez com Braian Molina. Mas o LDU definitivamente não havia saído de Quito para voltar sem os três pontos. Muñoz foi o nome do 4º gol, que garantiu a vitória da Liga de Quito.

Foto destaque: Reprodução/Órbita Deportiva/ orbitadeportiva.net

Laisa Rodrigues

Laisa Rodrigues
Sou atleta de sofá, corneteira, palmeirense apaixonada e jornalista em formação. Joseense de 20 anos, estou no terceiro ano da faculdade e sonhando, todos os dias, com tudo de mais lindo que ainda vou viver com a área esportiva. Vem comigo?

Artigos Relacionados