Dani Alves faz duras críticas à diretoria do São Paulo

A passagem de Dani Alves no São Paulo acabou, mas o lateral-direito segue fazendo críticas à diretoria. Nesta segunda-feira (1), vai ao ar uma entrevista do atleta ao programa “The Noite”, do SBT. Por lá, o apresentador Danilo Gentili abordou vários assuntos que o público verá a partir da 00h (horário de Brasília). Contudo, alguns trechos já foram vazados e os duros depoimentos ao antigo clube ganharam as redes sociais.

No mês de setembro, o Tricolor rescindiu o contrato do lateral-direito. Portanto, Dani Alves não economizou palavras e fez duras críticas à diretoria do São Paulo, irritando a torcida. Em suma, o jogador reclamou do fato do clube não conseguir arcar com os salários do atleta.

“O São Paulo estava contratando um torcedor na parte que me toca, na parte do sentimento. Estava comprando uma história. Se eles não tinham condições, tinham que ter pensado antes de trazer a história”, disse Daniel Alves.

Em contrapartida, o jogador também falou sobre o título perdido do Campeonato Brasileiro. Naquela situação, o São Paulo estava na liderança, com sete pontos de vantagem sobre o vice-líder. Entretanto, de maneira histórica, o clube acabou a temporada sem levantar a taça. Claro, Dani Alves tratou de enconntrar um “culpado”.

“A gente estava na liderança, com uma quantidade de pontos relevante à frente. Trocaram a gestão e perdemos o campeonato. Onde é que está o problema? As coisas estavam bem até a outra vir. Acho que eles pegaram o carro andando e não souberam administrar”, afirmou.

Dessa forma, diversos internautas criticaram a fala do atleta no Twitter. Assim, pôde-se notar diversos torcedores exigindo respeito por parte do atleta.

Agora, Dani Alves segue a procura de um novo clube. O lateral-direito ficou próximo de acertar com o Fluminense, mas o negócio melou.

Foto Destaque: Reprodução/Dani Alves

Isaac Rufino
Tenho 19 anos e sou estudante de Jornalismo pela FMU, em São Paulo. Sou apaixonado por Jornalismo e todas as suas áreas, porém a minha preferência sempre foi na área esportiva. Meu primeiro objetivo é ganhar experiência na área, buscar conhecimento e aprender com os melhores, por isso estou aqui. Entretanto, ao falar sobre objetivos futuros, tenho certeza de que a minha maior meta é fazer a cobertura de uma Copa do Mundo. Me considero um cara exigente, obstinado e não me contento em ser apenas mais um. Estou aqui para mostrar a minha capacidade e galgar degraus dentro do Jornalismo.