Cuca vê Galo superado em sua reestreia

O Atlético-MG perdeu mais uma partida no Campeonato Brasileiro Série A. Logo na reestreia de Cuca no comando do alvinegro, o técnico viu sua equipe cair diante do Internacional, no último domingo (31). Ao contrário, a derrota, por 3 x 0, no Beira-Rio, não desanima Cuca, que diz saber o que fazer para recuperar o Galo.

A princípio, com o resultado, o Galo perdeu três posições na classificação, e caiu do 4º para o 7º lugar, com 32 pontos. Logo após o término do confronto, o treinador cedeu entrevista coletiva e avaliou o primeiro tempo da equipe, quando sofreu os três gols do adversário. De acordo com Cuca, a baixa atuação é reflexo do mau posicionamento em campo:

Por outro lado, o treinador acredita que apesar de não ter feito gol, o time teve mais volume de jogo na segunda etapa:

“No segundo tempo, nós tivemos muitas oportunidades. O jogo fica o resultado. É o 3 x 0, o Inter mereceu vencer, mas se entra uma bola dessas aí, você pode ter certeza que o jogo é outro. E tivemos muitas chances de gol, mais de 20 finalizações, muitas defesas, bola na trave que acabou por não entrar. Até porque o emocional do jogo não está a seu favor.”, disse Cuca.

Apesar do resultado, os números demonstram que o Galo teve mais ações, porém sem aproveitamento. Assim, manteve 69% da posse de bola, com 532 passes certos de 600 ao todo. Além disso, foram 21 chutes ao gol, mas apenas cinco na direção certa, contra nove do Inter.

Cuca chama a responsabilidade

De início, durante sua apresentação no clube na última terça-feira (26), Cuca afirmou que para conquistar o Brasileirão, o Galo precisa somar 48 pontos e vencer 15 das 19 rodadas do segundo turno. Agora, restando apenas 18 jogos pela frente, o comandante frizou que a missão é sua:

“O que se tem que fazer num momento momento desse, até já converse: É assimilar, é saber administrar uma derrota dura como foi essa é tirar lições em cima dela. E isso é trabalho meu, de eu trabalhar no curto prazo que a gente tem dói dias, até enfrentar o próximo jogo que é importantíssimo também com o Palmeiras e corrigir os defeitos e os erros que nós tivemos hoje.”, afirmou o técnico.

Ainda, sobre o jogo decisivo pela Libertadores, Cuca acrescentou:

“O torcedor esgotando os ingressos eles passam a confiança que eles têm na equipe, no grupo. E cabe a nós dar a resposta a eles. Então, esperar, trabalhar segunda, terça e fazer um grande jogo na quarta-feira. É assim o futebol.”, ressaltou Cuca.

Duelo do Galo pela Libertadores

Por fim, às vésperas da decisão da Copa Libertadores da América 2022, o Atlético-MG terá dois dias de preparação para o confronto contra o Palmeiras. A saber, a partida acontece na quarta-feira (3), às 21h30 (horário de Brasília), no Mineirão, pelo jogo de ida das quartas de final. Contudo, o duelo coloca frente a frente o atual campeão Brasileiro e o vencedor do torneio continental de 2021.

Foto destaque: Pedro Souza/Atlético

Aliny Bueno
Prazer! Eu sou formada em jornalismo e a área esportiva é uma com a qual mais me identifico. A paixão pelo esporte, em especial o futebol, surgiu ainda quando criança. Trabalhar com isso me traz satisfação. Evoluir a cada dia dentro do jornalismo é o objetivo principal para obter uma carreira de sucesso.

Deixe um comentário