Rogério Ceni fala sobre vitória do São Paulo

Nesta quarta-feira (17), Rogério Ceni falou sobre a excelente vitória do São Paulo diante do Palmeiras. Assim, o comandante são-paulino enalteceu a postura dos atletas dentro de campo. Além disso, fez questão de ser humilde e dizer que o Tricolor Paulista precisa evoluir bastante. Todavia, o placar foi excelente para o time não se complicar mais na parte inferior da tabela.

“Quando você ganha é gênio, quando perde… Nem tão bom, nem tão ruim. Acho que o time tem que evoluir bastante para aspirar coisas melhores e sair desse lugar que o clube não merece estar”, disse Rogério Ceni.

Decerto, a atuação do São Paulo no Choque-Rei foi fantástica. Afinal, a equipe conseguiu neutralizar os ataques do Verdão e foi decisivo no ataque. Para o Tricolor, foi a noite perfeita por diversos fatores. Os comandados de Rogério Ceni somaram três pontos, fora de casa e chegam próximo de alcançar os 45 pontos. Então, a chance de se livrar de qualquer possibilidade de rebaixamento é enorme.

“Quando se ganha a palavra do vencedor sempre é difícil. O vencedor sempre tem razão. Hoje, o time conseguiu pegar a bola e jogar, teve jogada de profundidade, com Rigoni e depois com Marquinhos”, afirmou o treinador.

Claro, Rogério Ceni ficou feliz com a vitória do São Paulo. Contudo, o Tricolor Paulista precisa pensar no próximo duelo, contra o Athletico. Todavia, o time terá uma semana livre, pois não joga no final de semana. Portanto, a equipe volta a campo na quarta-feira (24), às 21h30 (horário de Brasília), no Morumbi, em jogo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Foto Destaque: Divulgação/São Paulo

Isaac Rufino
Tenho 19 anos e sou estudante de Jornalismo pela FMU, em São Paulo. Sou apaixonado por Jornalismo e todas as suas áreas, porém a minha preferência sempre foi na área esportiva. Meu primeiro objetivo é ganhar experiência na área, buscar conhecimento e aprender com os melhores, por isso estou aqui. Entretanto, ao falar sobre objetivos futuros, tenho certeza de que a minha maior meta é fazer a cobertura de uma Copa do Mundo. Me considero um cara exigente, obstinado e não me contento em ser apenas mais um. Estou aqui para mostrar a minha capacidade e galgar degraus dentro do Jornalismo.