Botafogo x Santos como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Na noite desta quarta-feira (4), Santos x Botafogo estrearam pelo Campeonato Brasileiro Feminino Sub-20. Desta vez, as Sereinhas da Vila venceram por 3 x 0. A saber, Isa Viana, Júlia Delprat e Analuyza balançaram as redes em Santana de Parnaíba.

Assista os melhores momentos de Botafogo x Santos

Em breve.

1º Tempo: Isa Viana abre o placar

Inicialmente, o jogo começou truncado no meio-campo. Nesse sentido, a primeira chegada com perigo do Santos aconteceu apenas aos 9 minutos. Júlia Delprat recebeu pela direita e, da lateral da grande área, arriscou finalização cruzada. Entretanto, acertou a rede pelo lado de fora.

Pouco depois, aos 13’, Analuyza recebeu pela esquerda e partiu para cima das marcadoras. Na sequência, a camisa 10 passou no meio de três e cruzou rasteiro para Isa Viana concluir com sucesso.

2º Tempo: Delprat e Analuyza ampliam

Aos 7 minutos da etapa complementar, as Sereinhas ampliaram após bela jogada de Nicole Marussi. Primeiro, a camisa 7 pedalou pra cima da marcadora. Em seguida, chegou à entrada da área e cruzou para Júlia Delprat. Sendo assim, a camisa 11 antecipou a marcação e concluiu para o fundo das redes.

Logo depois, Marussi tentou mais uma vez. Contudo, a bola chutada pela jogadora acabou subindo demais e saiu em tiro de meta. Nos acréscimos, a camisa 7 mandou lançamento para Analuyza. Assim, a atacante ficou cara a cara com a goleira do Fogão. Por fim, a camisa 10 driblou Kerolyn e bateu cruzado, santo números finais à partida.

Botafogo x Santos – E agora?

Com a vitória, as Sereinhas da Vila assumem a liderança isolada do Grupo F, com três pontos. Agora, a equipe encara a Esmac na sexta-feira (6), às 16h.

Por outro lado, o Fogão está na lanterna do grupo e encara o Ceará, na sexta-feira (6), às 14h (horário de Brasília).

Foto Destaque: Divulgação/ Pedro Ernesto Guerra Azevedo/ Santos FC.

Thaynara Bernardo
Apaixonada por futebol desde os 10 anos, encontrei no jornalismo uma forma de me conectar com essa grande paixão. Na faculdade, desenvolvi trabalhos que me tornaram uma profissional versátil, com fácil adaptação e que adora novos desafios. Espero que um dia eu consiga o meu lugar no jornalismo esportivo!