Após eliminação, Marcão aponta falhas e explica pênaltis contra Flu na temporada

Nesta quarta-feira (15), o Fluminense confirmou a sua eliminação na Copa do Brasil, após perder, por 1 x 0 para o Atlético-MG. Desse modo, depois da partida válida pelas quartas de final do torneio, o técnico Marcão analisou a postura do Flu. Em entrevista coletiva, o técnico elogiou a boa a atuação no primeiro tempo e apontou as falhas cometidas pelo time.

“Tentamos de tudo. Primeiro colocamos o Arias por dentro, mas não estava resultando muito, e adiantamos mais um atacante, fizemos duas linhas de área para pesarmos mais a área. Mas não conseguimos empatar. Os meninos fizeram de tudo, tentamos de tudo. Lógico que queríamos sair daqui com um resultado muito positivo, voltar com essa classificação para o Rio de Janeiro, mas infelizmente não deu. Fizemos uma boa partida diante de uma equipe muito bem treinada”.

A princípio, o Fluminense perdeu o primeiro confronto válido pelas quartas de final da Copa do Brasil. Desse modo, o jogo que aconteceu no Maracanã, terminou com o placar de 2 x 1 para o Atlético-MG. Assim, com a vantagem, no embate decisivo, o Galo marcou o único gol, após pênalti cometido por Danilo Barcelos.
Por outro lado, o Fluminense soma um alto número de pênaltis sofridos na temporada. Desse modo, sendo um dos times com marcações de penalidades máximas, o Flu totaliza 15 em 51 partidas. Com isso, Marcão também foi questionado sobre o assunto:
“Já pedimos aos nossos analistas para pegarmos todos os lances, tudo que puderem, para chegarmos a um denominador comum e saber o que está acontecendo, para que não possa acontecer mais”.

Próximo confronto do Flu

Agora, o Fluminense volta a campo em jogo válido pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Assim, o Tricolor das Laranjeiras enfrenta o Cuiabá, na Arena Pantanal, nesta segunda-feira (20), às 20h (horário de Brasília).

Foto Destaque: Divulgação/Fluminense

Juliana Veiga
Graduanda em Jornalismo, carioca, 23 anos, apaixonada pela profissão e por esporte e redatora em sites e blogs jornalísticos.