A reformulação do time feminino do Palmeiras para 2021

- O Verdão se prepara para a nova temporada, e o elenco passa por um período de despedidas, renovações e contratações
Reformulação do Palmeiras feminino

Logo após o fim da temporada 2020, mudanças começaram a surgir na equipe. A princípio, 12 atletas deixaram o clube, quatro assinaram a renovação do contrato, e quatro reforços chegaram. Esta é, entretanto, a maior reformulação desde 2019, ano em que o Palmeiras retomou as atividades do time feminino

Quem sai?

As primeiras despedidas aconteceram ainda em 2020. No dia 20, Bianca Gomes iniciou a sequência. Logo após, foi a vez da zagueira Stella Terra e da meio campista Stefany. Logo depois, Karla Alves foi quem deu tchau. Ela agora vai jogar com as cores do Minas Brasília. Depois dela, no dia 28, Rosana e Janaína também deixaram a equipe. Do mesmo modo, no último dia do ano, Maressa e Angelina também se despediram. Ange, porém, já tem destino certo: o OL Reign

Os últimos anúncios de saída aconteceram, enfim, nesta semana. Nicoly Aprígio se despediu da torcida palmeirense e comunicou sua volta ao Ferroviária. A defensora Vitória Kaissa e a atacante Lurdinha foram as últimas que notificaram suas saídas. A atacante Mônica Bitencourt, apesar de não ter anunciado, também já não faz mais parte da equipe.

Quem fica?

Primeiramente, acima de tudo, a diretoria pretende manter peças chaves para conduzir à conquista de títulos. Contudo, o Palmeiras até agora renovou o contrato de apenas quatro atletas. A primeira foi a zagueira Thaís Ferreira. As jogadoras Ary Borges e Ottilia, que chegaram juntas ano passado, também vão ficar no time. Por fim, nesta sexta-feira (8), o time anunciou a renovação com a zagueira Agustina. As quatro foram peças muito importantes para o time em 2020. Thaís e Ary fizeram parte, inclusive, da seleção das melhores jogadoras do Campeonato Paulista, divulgada pela FPF. 

Quem chega?

Por fim, as novidades no Palmeiras. A diretoria anunciou inicialmente a chegada de quatro atletas. A primeira delas foi a atacante Chu, que estava na Ferroviária. Para a conquista do vice-campeonato Paulista, ela foi peça importante. Na última temporada, fez sete gols em 25 jogos. A atleta, contudo, agora participa do período de treinos com a Seleção Brasileira. 

O segundo reforço foi a meio campista Rafa Andrade, que jogou os dois últimos anos também na Ferroviária. A jogadora tem passagens na seleção brasileira pela equipe de base e também na principal. Em 2020, a jogadora atuou em 20 partidas pelo time de Araraquara e assinou cinco gols.

O Palmeiras também anunciou a chegada da defensora Karol Arcanjo. A atleta foi campeã do Campeonato Mineiro com o Atlético-MG, onde jogou ano passado. Ela atua como zagueira e também como volante e, portanto, vem com muito potencial para defender a equipe.

A última contratação anunciada até o momento foi da atacante Dandara, ex-Red Bull Bragantino. Na última temporada, a jogadora fez 12 jogos e marcou três gols. A jogadora foi escolhida como melhor atacante do Campeonato Paulista 2020 pela FPF e, portanto, marcou presença na Seleção da competição. 

Foto destaque: Reprodução/Rodrigo Corsi

BetWarrior


Poliesportiva


Laisa Rodrigues
Laisa Rodrigues
O jornalismo foi uma surpresa que virou sonho. Hoje, tenho a plena certeza que é o que quero pra vida. Sou estagiária em assessoria de imprensa e sonho em me aventurar integralmente com o jornalismo esportivo. Atleta de sofá, corneteira, palmeirense apaixonada e jornalista em formação.

    Artigos Relacionados

    Deixe uma resposta

    Topo